[JORNADA] Thuomas G.

Ir em baixo

[JORNADA] Thuomas G.

Mensagem por Luch em Qui Jan 11, 2018 2:24 am



PRÓLOGO:   Um Encontro de Natal
 

Uma luz vermelha. Uma promessa não cumprida.

— Filho... Você precisa entender... Ela está em um belo lugar... Mas não aqui... Não mais

Dizia a senhorita de cabelos longos, lisos e negros, com algumas mechas inclusive tampando seus olhos e grande parte do rosto. De sua face semi-oculta, apenas lágrimas caiam, vez ou outra, indo encontrar o assoalho de madeira e desaparecer. Suas mãos de dedos finos e delicados, um deles adornado por uma aliança dourada e lustrosa, seguravam um frágil rosto de criança com a mesma delicadeza que a compunha. Esta pequena alma, por sua vez, possuía os mesmos cabelos da mulher, mas em uma expressão pálida e ímpar. Seus olhos estáticos eram de um belo azul misterioso, opaco e surpreendentemente sem vida, apesar de encantador. A boca infantil estremecia em lábios finos e ressecados, até que palavras eclodiram:

— Ela prometeu. Ela me prometeu, você não entende? A gente ia para Newbark amanhã, mãe! Ela só tá se escondendo, mas eu vou achá-la! — Retrucou firmemente a criança, antes de se desvencilhar das mãos de sua progenitora e sair em disparada pela porta shoji* da residência.

— Thuomas! Volte já aqui! Thuomas!!

As pernas curtas dobravam uma esquina, escorregando na superfície molhada. Em zigue-zague enganavam os arbustos do jardim interno e poucos passos depois já podiam sentir a maciez gélida da neve. Mas não eram só seus pés que perdiam calor. Pouco a pouco todo seu corpo parecia abraçado pelo frio implacável do inverno de Johto. A Floresta Negra de Ecruteak acolhia aquela criança em sua escuridão e deixava os gritos de desespero de uma mãe para trás, cada vez mais sussurrantes e diluídos pelos sons da natureza selvagem.

A caminhada era difícil para o pequeno rapaz, mas sua corrida sem rumo em busca de sentido precisava ser concluída por algum motivo, de alguma forma. Vida e morte eram complexos demais para uma criança desta idade compreender. Contudo, sentimentos não pediam explicação para existir, nem o vazio que o corroía por dentro escolheu idade antes de doer.

Zoom. Junto do início da câimbra, um rastro solitário e indescritível surgiu à sua frente, mas como? Os olhos cegos jamais viram algo parecido. Jamais viram.

Choro. E o choro não era de medo, era de raiva, de impotência, de solidão.

Os pés passavam a obedecer as pernas e fizeram o menino parar. Sentado agora na base de uma árvore velha e deteriorada, desabou. Suas mãos passaram a cobrir os olhos e, aos poucos, se tornou o único som daquele lugar. Uma a uma, as criaturas da noite pararam o que faziam para apreciar.

A luz vívida então voltou, dessa vez sem que o garoto pudesse percebê-la. Em um voo animado, o spot contornava as proximidades do rosto da criança até parar completamente. Ao redor desta, materializou-se em sua verdadeira forma. Ou seria apenas a forma mais apropriada? Ao abrir os olhos cansados e inchados, Thuomas estranhamente podia mais uma vez enxergar a esfera luminosa pintada sobre uma constante escuridão, mas não via a face em forma de caveira dentada, muito menos o manto etéreo de trevas que o acompanhava. Agora lhe fazia sentido, era a lanterna de Lira que veio encontrá-lo.

— Li... ra... Não quero... mais brincar disso... — E com um sorriso em seu inocente rosto, Thuomas tentou esticar os braços para alcançar sua irmã. Porém ela partiu e não mais cumpriria sua promessa de uma nova jornada em família. O garoto então apenas fechou seus olhos e desfaleceu perante as intemperes do inverno.


+Obs.* - Shoji é a porta de deslizar típica oriental, feita geralmente de madeira e papel de arroz.
BY MITZI


avatar
Luch
Monotreinador ghost
Monotreinador ghost

Masculino Mensagens : 17
Pontos : 25
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/01/2018
Nível de personagem : 6

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [JORNADA] Thuomas G.

Mensagem por Luch em Qui Jan 11, 2018 3:43 pm



Capítulo I:   A Piromante
 
10 ANOS DEPOIS

Cabelos longos e um rosto inocente deram lugar a um corte mais comportado e um semblante mais rígido, apesar dos olhos azuis opacos continuarem assustadoramente iguais, mesmo após uma década transcorrida. Agora com dezoito anos, em mais uma véspera de Natal, Thuomas pretendia cumprir uma promessa passada e iniciaria sua independência numa jornada Pokémon, mesmo que tardia. O rapaz acabara de desembarcar na Cidade de Slateport, Hoeen, na companhia de sua inseparável e adorável assombração. - Spawn  A Duskull fêmea que o encontrou na floresta quando desapareceu após a morte de sua irmã mais nova, Lira - Todos seus parentes, sem exceção, quiseram expulsar o Pokémon de perto de Thuomas nos dias seguintes, afirmando que ela só veio atrás do garoto por acaso, atraída por seus histéricos choros infantis. Porém, mesmo em épocas mais alegres que se sucederam, Spawn continuou fazendo-lhe companhia diariamente. Havia também uma peculiaridade que deixava tudo ainda mais interessante: apesar de ser completamente cego, desde o nascimento, Thuomas podia "enxergar" a esfera vermelha do interior da Duskull, que passou a lhe servir de guia e agora como companheira de viagem e combate também.

O rapaz tinha vindo de Johto até tão longe, guiado por estranhos sonhos que começaram a atormentá-lo durante a noite há alguns meses e pareciam também afetar seu Pokémon. Apesar de serem "visões" confusas, que não envolviam imagens e sim sons e odores, elas levavam Thuomas a ter quase certeza que encontraria algumas respostas se fosse até o Monte Pyke, nesta região. Um lugar que abriga o cemitério de Hoenn, além de atrair inúmeros Pokémon fantasma e amantes do gênero. Entretanto, o jovem ainda estava longe de chegar ao seu destino e se quisesse alcançá-lo, precisaria se preparar e explorar bem a nova região. Sendo assim, Thuomas e Spawn foram atrás de mantimentos e informações em uma feira livre local.

— "Frutas! Frutas! Deixa até seu Feebas mais bonito em uma mordida!" — Gritava um comerciante, levantando uma caixa de berries sobre a cabeça.

— "Capa de chuva! O Instituto Meteorológico avisou e o clima mudou! Capa de Chuva!" — Esgoelava-se outro, praticamente vestindo os transeuntes distraídos com sua capa.

Thuomas não podia ver nada daquela confusão de pessoas, de Pokémon e de mercadorias, mas sentia o forte cheiro de peixe que inundava a cidade, assim como o calor humano que o cercava mais e mais, conforme adentrava a feira. Guiava-se com sua bengala, enquanto seguia Spawn, que flutuava a sua frente pelo caminho mais livre. Até então nem ele e nem a Duskull se interessaram por algum dos produtos anunciados, mas ainda havia muito a procurar.

O clima em Hoenn era muito diferente daquele que a dupla estava acostumada em Johto. Enquanto neste nevava durante as festividades de fim de ano, aqui fazia calor e o céu era assustadoramente nublado, um prenúncio de tempestades tropicais. E parecia que o vendedor de capa de chuva estava correto afinal, pois Thuomas sentia o cheiro de terra molhada invadir suas narinas com mais intensidade do que toda a maresia que o cercava. Isso costumava acontecer segundos antes da chuva chegar ao local e dessa vez não foi diferente. As gotas geladas começavam a pingar com força na cabeça do rapaz, enquanto atravessavam direto o corpo de Spawn. Na feira, a maior parte dos transeuntes começava a correr para se abrigar, entre gritos e risadas. O treinador apenas permaneceu parado, fechando os olhos e inclinando sua face para cima, recebendo toda a chuva. Thuomas foi apenas interrompido por uma voz feminina que vinha de sua direita, de dentro de uma grande tenda azul marinho, com luas e estrelas estampadas em dourado sobre o tecido. Ele não poderia ver, mas a menina que o chamava possuía uma curiosa fantasia de bruxa, com direito a chapéu e capa. Ela oferecia abrigo para o rapaz e seu Pokémon, que prontamente aceitaram. O jovem foi sacudindo sua bengala até adentrar pelo pano que fazia o papel de porta para aquela tenda.

— "Sinta-se em casa, querido... Que tal sentar-se um pouco? Há uma cadeira a três passos para sua frente e um passo para sua direita" — Disse a menina, recepcionando-os de algum lugar da escuridão que tomava conta do local. Thuomas tentava decifrar de onde a voz vinha, mas curiosamente parecia vir de todos os lugares.

O rapaz seguia sua Duskull até o lugar indicado para se sentar. Tomou um assento com cuidado e preparou-se para agradecer a sua anfitriã quando foi surpreendido por calor, muito calor. Labaredas de fogo surgiam dos quatro cantos de uma grande mesa, com duas cadeiras em cada ponta. Numa delas estava Thuomas e na outra a bruxinha.

— "Bem-vindos a Tenda das Previsões de Madame Brax! Aqui seus sonhos ficam mais claros... Abrimos sua mente para enxergar o oculto!" — Anunciou a anfitriã, com uma voz e efeitos dignos de uma apresentação circense. Thuomas sorriu baixinho e pretendia avisar que de certa forma ele já via o oculto, mas foi interrompido novamente, enquanto uma névoa rósea começou a envolvê-lo e fazer com que se estivesse flutuando no vazio. Uma sensação poderosa.

— "Eu vejo uma montanha, não... um monte! Seu destino se cruza com o de outra pessoa. Ela é poderosa, mas... Sua missão vai muito além de subir um simples monte. É ali que tudo irá apenas começar. Sua libertação... Ela quer que você se liberte totalmente das amarras do passado!" — E foi nesse instante que a graça escapou do rosto do rapaz, dando lugar a uma preocupação. Com as duas mãos no ar tentando alcançar a mesa, o treinador exclamou um sonoro "QUE?!". Ele realmente precisava saber mais...


+Obs.Olá! Estou dividindo a minha história em capítulos, mas não necessariamente todos vão ter uma ação do tipo treino, captura ou evolução, espero que não seja um problema se alguns posts forem apenas para desenvolver a história. Desde já obrigado!
BY MITZI


avatar
Luch
Monotreinador ghost
Monotreinador ghost

Masculino Mensagens : 17
Pontos : 25
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/01/2018
Nível de personagem : 6

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [JORNADA] Thuomas G.

Mensagem por Luch em Qui Jan 11, 2018 4:18 pm



Capítulo II:   Contatos Imediatos
 

Enquanto a sessão mística ocorria, a Duskull de Thuomas flutuava ao redor do ambiente um pouco entediada com aquela gritaria toda e com as chamas que surgiam aqui e ali. Parou um pouco mais para o fundo da tenda e ficou observando seu distraído mestre, que em meio a todo aquele show acabou apagando e agora dormia de olhos abertos mesmo com aquela garota balbuciando algo a distância. Humanos realmente eram tipinhos incompreensíveis. Porém não foi isso que mais a chamou atenção e sim um evento curioso mais próximo do chão. Por debaixo do pano da grande mesa, uma patinha amarelada se esgueirava pela escuridão para tocar a mochila de Thuomas e vasculhá-la. Irritada, a Pokémon fantasma atravessou diretamente pelo pano, surpreendendo uma Pokémon de fogo, mais precisamente uma Fennekin, que não deixaria esta intromissão tão barata atrapalhar seus planos. As duas começaram a discutir, cada uma em sua própria língua Pokémon, até que as coisas pareceram esquentar demais para serem resolvidas com palavras, ou melhor, com grunhidos.

A pequena ladra foi a primeira a perder a paciência, lançando uma saraivada de brasas na direção da Duskull sem qualquer aviso, e fez com que a fantasma precisasse rodopiar no ar para desviar do golpe e atravessar novamente o pano da mesa para fugir. As brasas causaram um inesperado efeito pirotécnico sobre a mesa, assustando a própria Madame Brax, que teve seu chapéu de bruxa incendiado e despertando Thuomas do transe da feiticeira.

— O que é isso Spawn? O que tá acontecendo? Tem algo pegando fogo? — O garoto agarrou sua bengala e se levantou, caminhando de costas para a porta, afastando-se da mesa. O cheiro de espuma queimada despertou rapidamente o rapaz.

Com o desespero da dona da tenda, as luzes rapidamente se acenderam, revelando um espaço interno bem reduzido e bagunçado. A névoa rósea se retraiu revelando um Musharna oculto bem atrás de Madame Brax. O Pokémon parecia assustado pelas chamas e chorava baixinho, escondendo-se. A menina então jogou no chão seu chapéu e pisou nele diversas vezes, até apagar o fogo. Indignada, ela apontou para a Duskull:

— "Grr... Você vai pagar por isso!  Fennekin! Use Ember" — E o Pokémon Feneco encheu os pulmões e lançou uma explosão de brasas na direção de Duskull. Thuomas recuperou sua compostura, sentindo o calor das brasas se aproximarem da sua direção e desviou de seu rastro, dando ordens de batalha para seu Pokémon.


— Spawn, evasiva! Surpreenda-as com Night Shade!

A Duskull até tentou escapar, mas foi golpeada em cheio pelas brasas, que deixaram seu manto de escuridão em chamas. Desesperada ela flutuava em círculos, até conseguir apagar as labaredas. Madame Brax gargalhava com a humilhação de seu oponente, mas Spawn não se abalou e desaparecendo no ar, surgiu atrás das duas, envolvendo-as em seguida numa onda de trevas que emanava de seu olho, agora preenchido por uma cor azul-pálido. A bruxinha deu um berro, assustada e sua Fennekin, inconformada, tentou golpear por conta própria a Duskull com uma sequência de golpes Scratch, mas obviamente sem qualquer efeito...

— Não a deixe escapar Spawn, concentre seu golpe na Fennekin e cuidado com brasas à queima roupa... — Thuomas dava suas ordens acompanhando a batalha pelos movimentos do globo ocular de Duskull, que ora ficam vermelhos e ora ficavam azuis quando executava os golpes. Também usava sua audição e olfato mais apurado para tentar observar e prever movimentos tanto de Brax, como de Fennekin em caso de ataques surpresa ou uma fuga. O rapaz não perdoaria quem tentou utilizar seus problemas familiares para enganá-lo tão estupidamente. Já no combate, Fennekin tenta lançar mais um golpe de brasas, sendo interceptado por um segundo ataque fantasma de Duskull, bem em cheio. A Pokémon de fogo não aceitaria novamente isso e agora usava sua velocidade superior para se espalhar pelo ambiente, tentando uma ataque mais afastado e com maior alcance.

— "Fennekin, use a mesa como proteção contra o próximo golpe e revide com seu melhor Ember!" — Ordenava Brax, fazendo seu Pokémon se esgueirar por debaixo do pano da mesa e assim, escapando de um novo Night Shade.

Duskull adentrou por baixo do pano, apenas para notar que a Pokémon adversária havia escapado por um alçapão de madeira próximo da cadeira de sua dona. Para a surpresa da fantasma, Fennekin apareceu por trás, explodindo brasas com força em suas costas e até mesmo fazendo a mesa tombar para o lado. Os dois Pokémon se encararam e partiram então para uma última ofensiva, com tudo o que tinham.

— Spawn, use seu golpe para bloquear o do adversário e atravesse as brasas até alcançá-la em cheio!

— "Fennekin, uma última rajada de brasas, sem descansar, até ele cair!"

Os dois Pokémon se enfrentaram em um choque de chamas e rajadas obscuras. Eles se aproximavam lentamente, tentando vencer o golpe um do outro, até que se chocaram e causaram uma pequena explosão, sendo lançados para lados opostos. Ambos pareciam exaustos e bastante feridos, mas Fennekin é quem levou a pior, tendo desmaiado quando chocou a cabeça contra a mesa que antes havia derrubado. Os treinadores correram para socorrer seus Pokémon e o ódio nos olhos de Brax podiam não ser vistos, mas eram quase sentidos por Thuomas.

— "Já chega! Vou acabar com vocês dois de uma vez por todas! Musharna, lance-os para o limbo com Psychic!" — E de trás da treinadora, o Musharna ressurgiu com os olhos azuis brilhantes, enquanto era rodeado por uma névoa, que assim como o olho de Spawn, Thuomas também podia enxergar. Foi então que o jovem treinador de fantasmas entendeu o que havia... Brax absorvia os sonhos de treinadores distraídos com a ajuda de Musharna e usava isso para fazer suas previsões, enquanto Fennekin roubava os pertences de seus clientes. O jovem olhou para sua Duskull quase completamente inconsciente e a protegeu do golpe que viria — Você é a melhor, obrigado por tudo... —


Quando o fim parecia já certo, um rastro alaranjado adentrou a tenda, derrubando tanto Madame Brax, como seu Musharna no chão. Da porta surgiam dois homens e uma mulher, vestidos com um uniforme típico de polícia, mas com alguns detalhes que possivelmente diferenciavam a unidade de Hoenn das outras dos demais locais. Sobre a criminosa e seu Pokémon estava um grande e pesado Arcanine, que após derrubá-las, sentou-se sobre as duas imobilizando-as.

— "Polícia de Slateport, mãos para o alto!" — Dizia a mulher policial para todos os presentes, inclusive Thuomas, que obedeceu prontamente. Estaria o garoto finalmente a salvo ou ainda mais enrascado agora?


+Obs.Bem, esta é a postagem do "treino" em si, na forma de batalha. Sei que são necessárias 10 linhas de história e batalha cada, mas a história meio que está misturada com o combate, então me avise se esse não for o melhor caminho e na próxima melhoro. ^^
BY MITZI


avatar
Luch
Monotreinador ghost
Monotreinador ghost

Masculino Mensagens : 17
Pontos : 25
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/01/2018
Nível de personagem : 6

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [JORNADA] Thuomas G.

Mensagem por Cueio em Seg Jan 15, 2018 12:29 pm

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

Primeira vez lendo os seus textos e você já me surpreendeu. Ótimo atenção ao detalhe e narração. Emoção na história e o combate foi interessante também. O desfecho dá vontade de ler mais. Bom trabalho!

Nota: Ótimo
Bônus: Spawn recebeu 7 níveis (+2 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento Reborn) e perdeu 4 de energia; Personagem recebeu 5 níveis (+2 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento Reborn).

(PS: Fica mais fácil nos olhos de quem avalia haver uma boa separação entre a história e a batalha, mas de qualquer forma, mesmo com a sua observação, existe história suficiente fora da batalha para a validar, por isso não acho que deva se preocupar muito com isso.)

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [JORNADA] Thuomas G.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum