[Jornada] Grimm.

Ir em baixo

[Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Seg Ago 14, 2017 1:25 am


Jornada Pokémon


It's me, Grimm!



Área destinada à narrar a jornada de Jasper Grimm, um treinador Pokémon da Região de Hoenn.


Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Seg Ago 14, 2017 10:26 pm


00 - O Adeus.


É hora de acordar!



O despertador tocou mais uma vez. Jasper socou o criado mudo, tentando acertar o objeto, mas tudo o que conseguiu foi ferir a própria mão na madeira sólida, errando por alguns centímetros. Apertando a mão que doía contra o próprio corpo, girou na cama até acabar caindo, totalmente enrolado em seus cobertores. O estrondo causou uma movimentação do lado de fora, e antes que se desse conta sua mãe estava enfiando a cabeça para conferir se tudo estava bem.

- Filho, algum problema? - Os olhos azuis de Marisse eram idênticos aos do filho, mas ela tinha cabelos loiros e cacheados, enquanto os dele eram negros. - Vai se atrasar para encontrar o Professor Birch. Sabe que tem muitos outros jovens, alguns até mais novos, indo buscar seus primeiros pokémons hoje. Não vai querer perder a oportunidade, não é? Não pagamos uma fortuna na Escola Pokémon à toa.

- Mamãe, desde que eu voltei do internato a senhora reclama da fortuna que foi gasta. Sinceramente, você e papai não deviam ter se esforçado tanto. Não sei se poderei corresponder à tantas expectativas.

- Bobagem! Está no seu sangue! Seu pai chegou às semi finais da Liga, quando era apenas um pouco mais velho. É claro que ele desistiu de seu sonho, e acabou indo trabalhar na polícia, mas ele era um treinador espetacular! Nos conhecemos em nossa Jornada, quando tínhamos dezessei anos, já lhe contei? - Ela empolgou-se, lembrando do Oficial James Grimm, um dos policiais mais respeitados na unidade de Sootopolis City. Jasper achava bonito como seus pais sentiam-se um pelo outro, mas não conseguiria ouvir aquela história mais uma vez.

- Mamãe! Vou me atrasar. Além disso, a senhora já contou a mesma história cinco vezes! E isso só desde que retornei. Sei que papai era incrível. Ele e Arcanine continuam sendo uma dupla imbatível. A senhora e sua Liligant também. Seja eu um coordenador ou treinador, vou ter ótimos exemplos a seguir. - Garantiu, abraçando a mãe e correndo para trocar de roupa. Finalmente receberia sua Pokedéx e seu pokémon inicial. Estava super animado!

Antes de sair de casa, conferiu a própria mochila e olhou por cima do ombro, para a casa onde vivera sua infância, até ser enviado para a Escola Pokémon de Kalos, com apenas oito anos. Morou com os outros aprendizes até o último verão. Alunos dos internatos eram envisions em suas jornadas pokémon mais tardiamente, para garantir que se sairiam melhor que as crianças que começavam aos dez anos. Bem, aquilo não era garantia nenhuma, mas era finalmente a hora de ser livre. Acenou para machoke, que estava varrendo a sala. Outro dos pokémons de seu pai. Animado, machoke acenou de volta, desejando-lhe sorte. Marisse desceu as escadas a tempo de mandar um beijo para o filho, os olhos marejados de lágrimas. Teriam tempo para matar a saudade depois. Agora, seu primeiro Pokémon esperava por ele. Mandando um beijo de volta, correu para atravessar a porta, desejando que aquele fosse apenas o início de maravilhosas aventuras...


Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Seg Ago 14, 2017 10:52 pm


01 - O Laboratório do Professor Birch.


A primeira rival!



O Laboratório Pokémon da cidade de Littleroot nunca fora tão intimidante quanto naquele momento. Embora estivesse um pouco envergonhado por sentir medo de uma situação tão banal, Jasper sabia que precisava ser firme se desejava transmitir confiança para o Professor. Receberia sua pokedéx e então poderia começar a tão sonhada jornada. É claro, tinha muito pouca noção de por onde começar. Tudo parecia tão grande, que chegava a ser assustador. Enquanto aproximava-se do local, encontrou a figura familiar de uma garota. Os cabelos curtos, pintados de rosa, e as mesmas roupas de grife. Layla. A garota era sua vizinha, mas ao contrário de Grimm, vivia na casa mais bonita da cidade, recém construída. Também tinha sido uma estudante do Internato Pokémon, e uma das mais brilhantes. Por algum motivo, ela não parecia gostar nem um pouco de Jasper. Ele só não compreendia bem os motivos, mas talvez fosse porque ele nunca a dera muita importância. Para alguém que acredita ser o centro do universo, encontrar um garoto que não a admire pode ser irritante.

- Grimm! Olha só! E eu achei que tinha sido a última a acordar. Papai acabou me deixando dormir demais. Meu outro pai não estava em casa para obrigá-lo a me acordar na hora certa. - Ela mexeu na bolsa de couro que levava sob o ombro, uma bolsa de marca, certamente. - Veja só isso! Mudkip, saia. - Um pequeno mudkip surgiu, animado. Correu ao redor de Layla por um breve momento, até parar ao seu lado, observando-me. - Não poderia ter escolhido melhor. Esse pequeno se tornará um pokémon aquático e terrestre, e será muito útil contra pokémons elétricos, bem como de pedra. Você sabe que o primeiro ginásio deverá ser bem fácil, com um pokémon do tipo água.

- Achei que precisávamos gostar do nosso primeiro pokémon, antes de escolher por estratégia. - Rebateu Grimm, sentindo a expressão da garota mudar. - Claro que eu não ousaria dizer o que você tem que fazer. O mudkip é mesmo um pokémon incrível.

- Mas eu estaria preocupada se fosse você, senhor Atrasildo. Só restou um único pokémon aí dentro, e não me pareceu grande coisa. Pelo menos, não vai ser muito difícil provar que eu sou a melhor treinadora de Littleroot a frequentar o Internato Pokémon. - Ela piscou, provocativa. - Passar bem, Jasper. Vai ser um prazer te derrotar no futuro.

- Por que não faz isso agora? Eu vou lá, pego meu pokémon, e tentamos uma primeira batalha. O que acha? - Layla riu, apenas assentindo. Ela parecia saber que Grimm se arrependeria daquelas palavras.

Ignorando Layla, Jasper adiantou-se até entrar no Laboratório. Lá dentro, encontrou o Professor Birch conversando com um de seus assistentes, um rapaz franzino com óculos e jaleco. Ele segurava uma Pokedéx na mão, e parecia desanimado. Grimm imaginou que o motivo seria o seu atraso, então tentou correr para avisar que não tinha desistido. Acabou caindo, espalhando-se como uma fruta podre.

- Hey, rapaz! Está tudo bem aí? Olha só, Symon, acho que achamos o nosso retardatário. - Birch sorria. - Sinto muito rapaz, mas seu pokémon foi escolhido por você. - Ele ajudou Grimm a se levantar, pondo-o praticamente de pé, sozinho. - Veja, está bem aqui. - Ele pegou a única pokéball disponível na incubadora pokémon, entregando-a. - Espero que vocês dois se deem bem. Ela é uma criaturinha animada, essa daí.

Grimm mal podia se contar. Havia deduzido que seu pokémon era uma fêmea, o que era bastante raro entre os pokémons iniciais, e só por isso estava agradecido. Estudar tanto sobre aquelas criaturas no internato, não era o mesmo que ser realmente um treinador. Apertou o botão no centro da ball, que rapidamente se expandiu, revelando uma torchic. Ela parecia bastante animada, pulando no mesmo lugar. Quando viu Jasper, pulou na direção dele, quase derrubando-o.

- TORCHIC! Chic. - Guinchou a criaturinha, fazendo todos rirem com sua empolgação. Aquele era um pokémon bem mais atlético do que seu dono, sem dúvidas.

- É torchic, parece que escolho você. - Brincou Grimm, fazendo o Professor rir mais um pouco.


Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Seg Ago 14, 2017 11:33 pm


02 - O Treinamento em Dupla de Littleroot.


Primeira Batalha!



  Layla já estava esperando por ele, quando Jasper saiu do Laboratório. O sorriso convencido da garota indicava que ela sabia que ele fora forçado a ficar com um pokémon do tipo fogo, que estaria em desvantagem contra seu mudkip. A verdade era que toda aquela história de rivalidade não incomodava Grimm. Ele sempre fora um menino tranquilo, e era extremamente difícil provocá-lo. Mas havia prometido à garota uma batalha pokémon. Muito embora estivesse em dúvida, agora que finalmente chegara o momento. Mas um aluno do Internato não podia ser um covarde. Além disso poderia ser uma oportunidade para colocar toda aquela energia em uso, e aproveitar os pontos fortes de sua torchic. Ela parecia o tipo de criaturinha com muita energia para queimar, de fato.

- Se quiser desistir, prometo que não conto a ninguém. - Layla riu, cruzando os braços. Sua pokébola presa na mão esquerda.

- Desistir não é uma opção. Nós dois sabemos disso, Layla. E eu não confiaria demais no tipo água do seu torchic. A batalha não está vencida enquanto não começar. - Grimm tirou a própria pokébola do cinto com suporte, em sua cintura. Lançando-a para o alto, preparou-se para a sua primeira batalha. - Torchic, vai! - A torchic surgiu, pulando e dançando com suas perninhas, mais animada do que interessada no desafio. - Torchic, esta será nossa primeira batalha juntos, okay? Conto com sua ajuda. - Parando de pular, a pokémon olhou para Layla à sua frente. Sua expressão tornou-se séria. Ela estava ciente do desafio.

- Ótimo! Que comece! - Layla chamou mudkip, que posicionou-se à frente de torchic, seus olhos brilhando em desafio.

X Batalha Pokémon X

- Torchic, preciso que você pule e tente usar Scratch! - Torchic parecia ter ouvido, mas demorou um pouco para obedecer. Não estava acostumado a ser comandado. Mudkip também não, mas ao menos Layla não estava em desvantagem.

- Mudkip, não dê tempo pra que ele reaja! Use water gun. - O jato de água foi quase imediato. Mudkip parecia já esperar pelo que Layla faria. Era um pokémon esperto. - Em seguida, use Tackle!

    Torchic tentou pular, como Grimm havia pedido, mas não foi rápido o bastante. Ele guinchou quando o golpe super efetivo o atingiu, sendo logo em seguida atingido pela investida de mudkip. Rolando sobre o gramado dos terrenos do Laboratório, torchic parecia praticamente vencida. Jasper não sabia bem o que fazer, se é que poderia fazer algo naquela situação. Apenas aguardou uma fração de momentos, até que sua nova amiga se pusesse de pé outra vez. Enquanto isso, mudkip corria ao seu redor, já preparando-se para uma nova investida. Foi naquele momento que Grimm sentiu pela primeira vez, o frenesi da batalha. Embora os lábios de Layla mexessem, ele já não ouvia mais o que ela tinha a dizer. Rapidamente, recobrou o juízo e percebeu que não importava vencer. Torchic não podia sentir que havia sido abandonada pelo seu treinador.

- Não importa que eles nos vençam! Vamos mostrar que também somos fortes. Agora, torchic! Evasiva! - Torchic desviou no último momento. - Agora, ember! - O ataque atingiu as costas de mudkip, que pareceu chiar. O pokémon não seria ferido de verdade, por um movimento tipo fogo. - Agora, assuma velocidade e tenter atingi-lo com outro arranhão!

    Torchic começou a correr. Saltou e caiu sobre mudkip, o arranhando diretamente. O sucesso do golpe logo foi eclipsado, quando Layla gritou algo e um novo jato d'água atingiu torchic bem em cheio. Ela foi lançada alguns metros para trás, rolando novamente sobre a grama. Desta vez, ela não conseguiu se levantar. Estava fora de combate. Adiantando-se para socorrê-la, Grimm rapidamente a convocou, usando a pokébola.

- Você foi maravilhosa, torchic. - E ele falava sério, pois havia experimentado o primeiro laço entre seu coração e o de seu pokémon. Nunca havia sentido algo tão incrível. - Meus parabéns, Layla. Mas aviso que da próxima vez, não será tão fácil.

- Eu acredito em você. Sabe Grimm, se você não fosse tão metido, seria um ótimo namorado. - Dando de ombros, Layla retirou-se, deixando o rapaz ali, boquiaberto. Seria possível que toda a perseguição de Layla fosse causada por uma atração não correspondida? Dando de ombros, ele riu e voltou para dentro do Laboratório, onde planejava pedir para que o Professor cuidasse de torchic uma última vez, antes que pudessem deixar a cidade. Ainda estava incrédulo pela garota mais egocêntrica do mundo tê-lo chamado de metido, mas era divertido vê-la de outro ângulo.

    Ninguém vencia todas as batalhas, e estava tudo bem. Sabia que ainda teriam muitas outras por vir.

Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Seg Ago 14, 2017 11:59 pm


03 - O Amigo Arredio.


Weedle-Wee!



  O caminho até a cidade de Oldale era bem curto. Na verdade, Grimm tinha certeza de que poderia ir até lá e retornar andando no mesmo dia, o que não era mesmo muito complicado. O maior problema, no entanto, era realizar a viagem completamente sozinho e a pé, pela primeira vez. Haviam algumas regiões onde poderiam encontrar pokémons selvagens, e ele temia que apenas torchic não pudesse dar conta de mantê-los afastados. Mas para ser sincero, Grimm não podia ser grato o suficiente por finalmente estar livre na natureza, sozinho com sua nova melhor amiga. O ar fresco, os sons naturais de pokémons e alguns treinadores que agrupavam-se nos arredores de Littleroot, tudo parecia incrível. Toda aquela gente que saíra em jornada, tentando capturar seus primeiros pokémons, ou como ele, testando seus iniciais com amigos. Era bem empolgante. Considerando que teria tempo para fazer tudo aquilo, Grimm decidiu fazer o que fazia de melhor. Dormir um pouco.

- Venha, torchic. Vamos relaxar na sombra.  - Chamou, deitando-se com sua pokémon no colo, abaixo de uma grande árvore de berries. Não reconhecia o tipo, mas sabia que nunca tinha comido aquelas berries antes. Pensou em tentar apanhar uma, mas não alcançava os galhos, e estava com preguiça de tentar escalar. Com as costas contra o tronco, cochilou um pouco, abraçando torchic. Mas o temperamento de sua companheira era mais vivo, e ela era o oposto de seu treinador quando se tratava de curtir ao ar livre. Bicando a árvore, torchic começou a perfurar a madeira em alguns pontos, como se desesperadamente desejasse causar um abalo forte o bastante para derrubar uma berrie. Mas o que caiu foi algo completamente diferente.

     Grimm só notou o Weedle que caíra sobre seu peito, quando levou uma leve picada em sua mão. O pequeno ferrão na cauda da criatura o despertou, e o garoto gritou alto, chupando o leve ferimento com ressentimento. Que diabos! Olhou ao redor a tempo de ver o Weedle encarando-o com uma expressão irritadíssima, enquanto torchic disfarçava olhando para todos os lugares, menos para ele. Entendeu tudo rapidamente.

- Ótimo! Parece que alguém queria se divertir de outra maneira, não é mesmo? - Perguntou, rindo por fim. - Torchic, este weedle vai ser nosso companheiro. Ele é um tipo inseto, então não devemos ter problemas. O nosso resultado com mudkip está no passado! - Torchic animou-se, pulando em concordância. O pequeno pokémon arregalou os olhos, ao notar que a captura do dia parecia ter outros planos. Ultrajado, weedle já afastava-se, abandonando os dois à própria sorte. - Ah, não vai fugir não! Venha cá, malandrinho!

X Captura Pokémon X


- Torchic, use Ember! - Torchic correu para aproximar-se de weedle, fazendo como lhe fora pedido. Ao ser atingido pelo movimento, weedle guinhou e voltou-se para torchic, irritado. Seu pequeno chifre brilhou, e uma chuva de espinhos surgiu, profusa. - Torchic, são os espinhos venenosos! Pule para trás!

    Foi por pouco, mas torchic conseguiu escapar. Weedle aproximou-se, saltando do solo ao utilizar o movimento Bug Bite. Torchic reclamou ao ser atingido, mas não pareceu particularmente ferido. Irritado, o pequeno pokémon tipo fogo sacudiu as próprias penas, atacando sem ser comandado. As brasas de torchic atingiram weedle novamente, que lançou seus espinhos outra vez.

- Torchic, evasiva. - Ela não ouviu, avançando para cima de weedle ao utilizar o arranhão. Os espinhos a atingiram, e torchic rolou para trás com o impacto. Ela ergueu-se, mas tremeu um pouco em seguida, uma leve névoa púrpura ao seu redor. - Oh, não! Você foi envenenada, torchic! Eu avisei... - Grimm respirou fundo, não podia perder o foco. - Okay, vamos lá! Agora use o ember, mais uma vez.

      As brasas colidiram com os espinhos de weedle, explodindo em pequenas faíscas. Bem humorado, Grimm pensou que aquela combinação poderia ficar bonita em um contest, desde que torchic não acabasse fritando weedle no processo. Weedle avançou para usar a mordida de inseto mais uma vez, como Grimm suspeitara. Estava feliz por ter conseguido capturar a atenção do pokémon.

- Evasiva, torchic! - Um pouco desconfortável com o envenenamento, torchic obedeceu. Ela saltou para trás no momento exato em que weedle chegou ao lugar onde ela estivera antes. - Ember! - O golpe acertou em cheio, levantando poeira e fumaça e deixando weedle sem energia, fora de combate. - Ótimo! É agora! Pokébola, vai!

          Grimm lançou sua pokébola. O objeto brilhou e tremeu por duas vezes, antes de voltar ao normal. Agora, ao que parecia, ele conseguira mais um companheiro em sua aventura. Era oficialmente um treinador pokémon.

- Acho melhor voltarmos para o Laboratório. Vou ter que te curar outra vez, sua esquentadinha. - Brincou, pegando torchic no colo. Apesar de tudo, estava apavorado.

       Foi quando ouviu o som do zumbido. Ao que parecia, o weedle capturado não era o único pokémon na árvore de berries. Se aquele som fosse de quem achava que era, ele estava frito... E mal passado.

Link da Rota: Aqui

Made by Alex


Última edição por Grimm em Ter Ago 15, 2017 11:01 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Ter Ago 15, 2017 8:57 am

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

Tendo em conta o treino... Trata-se realmente de uma trama clássica, nada de ruim acerca disso. Mas gostei principalmente da batalha e do jogo de emoções que você usou nela. Muito bem feita. Seria legal ver a Layla mais vezes no futuro também; parece ser um personagem interessante.

Nota: Ótimo
Bônus: Torchic recebeu 6 níveis (+1 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento Reborn); Personagem recebeu 4 níveis (+1 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento Reborn).

Tendo em conta a captura... Gostei da maneira como achou o Weedle, assim como o contraste entre a personalidade do seu personagem e da Torchic. A batalha, mais uma vez, foi o ponto mais forte: dinâmica e bem narrada. Não me importaria de ler mais, já que o desfecho com o "cliff hanger" prende o leitor.

Nota: Ótimo
Bônus: Weedle capturado a nível 7 (+1 graças ao evento Reborn) com uma berry à escolha (entre em contacto comigo para inserí-la); Torchic recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn); Personagem recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn).

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Ter Ago 15, 2017 10:46 pm


04 - Os Gêmeos.


Três não é demais!



  Pensamento de Grimm: " Beedrills eram criaturas cruéis. Na verdade, eram apenas pokémons extremamente territorialistas, e eu provavelmente acabara de capturar o filhote de uma delas, causando o maior estardalhaço logo abaixo de uma de suas árvores. Os sons produzidos pelo meu weedle podiam facilmente ser detectados como um pedido de ajuda, o que só piorava as coisas para o meu lado. Com um pokémon envenenado e eoutro obviamente enfraquecido pela captura, eu não tinha a menor chance de escapar daquela situação enfrentando-a de frente. Então fiz o que qualquer alma sensata faria. Corri por minha própria vida como se não houvesse amanhã, muito pouco preocupado com quão patético eu pareceria naquele momento. Apenas corri, e correndo na minha velocidade máxima, passei direto por dois treinadores mais novos, que conversavam animadamente, sentados ao lado de um lago. Um deles trazia um treecko deitado sobre seu colo, enquanto a menina tinha um wurmple na cabeça. Os dois engasgaram com seus sorvetes, que traziam da cidade de Littleroot, quando viram o ename de beedrills. Correndo ao meu lado, aqueles estranhos rapidamente se tornaram aliados. Todos unidos lutando pelas próprias vidas. "

- Por Arceus! Socorroooooo! - A menina um tanto rechonchuda segurou com mais firmeza seu wurmple. Parecia que ninguém estava interessado em batalhar com aquelas criaturas no último estágio de evolução. - Hey garoto, quem é você? O que tinha na cabeça para incomodar os beedrills?

- Eu sinto muito! Meu nome é Jasper Grimm, sou um treinador inexperiente. E tudo isso foi um acidente, meu torchic os incomodou sem intenção. - Explicou, arfando pela falta de fôlego. Estavam numa rota tranquila, já bem próximo da cidade.

- Nós somos os gêmeos Sullivan, e minha irmã não quis ser implicante. Também começamos nossa jornada hoje, mas somos mais jovens. Temos treze anos. - Explicou o garoto do treecko. - Eu sou Matt, ela é a Candice. - Matt olhou ao redor, na direção de alguns arbustos. - Hey, vamos pular ali. Assim que não conseguirem nos encontrar, eles vão embora.

   E assim fizeram. Tiveram de aguardar por alguns minutos, mas assim que os beedrills notaram a ausência dos jovens, cansaram-se e partiram de volta para sua árvore de pecha berries. Era engraçado que ficassem tão nervosos por qualquer coisa, mas naquele caso, Grimm sentiu-se um pouco mal por provavelmente ter tirado um membro da comunidade. Mas bem, não havia muito que pudesse fazer agora? Torchic não havia sido envenenada para que ele simplesmente soltasse seu weedle. Além disso, o fogo e o desafio nos olhos daquele pequeno pokémon o incentivavam a treiná-lo e torná-lo tão forte quanto seu temperamento esquentado.

- Hey, porque não toma uma dessas? - A menina fofa, Condice, ofereceu uma berrie a Grimm. - Faça a torchic mastigar um pouco. Vai curar o envenenamento. Sabe, é curioso, mas muitos pokémons do tipo veneno costumam se alimentar desta berrie, então quando capturei wurmple ela meio que estava com ele.

- Como sabe tanto sobre pokémons venenosos? - Grimm indagou, sorrindo ao aceitar a berrie. - Pretende ser uma especialista?

- Sim! Eu e Matt vinhemos de longe para o Laboratório, para que ele pudesse pegar seu primeiro pokémon. Mas eu já tinha o meu. Seviper está comigo desde que éramos muito crianças. Os pokémons venenosos costumam ter uma má fama por serem predadores em sua maioria, mas são cheios de amor e personalidade como todos os outros. Seviper me defendeu de um zangoose selvagem, e nunca mais me deixou. Jurei que seria a melhor treinadora de pokémons venenosos, depois disso.

- Bem, uma garotinha de seis anos que arrasta um seviper pela cauda, certamente tem algum talento. - Brincou Matt, e Grimm acabou sorrindo. - Hey Grimm, já capturou algum pokémon? Eu peguei um spearow.

- Sim. Inclusive, um tipo veneno. - Candice animou-se. - Peguei um weedle.

- Ah sim, ele era minha segunda opção. Mas tenho esperanaças que o wurmple aqui evolua para um dustox. - Ela afagou wurmple, que ronronou alegre. - Caso não vire, posso sempre entregá-lo a Matt.

 - Claro, a Beautifly é um ótimo pokémon. Eu mesmo gostaria de ter uma. - Grim concordou. - Muito obrigado pela ajuda, de verdade. Não sou muito sociável, então fico feliz que os beedrills tenham nos reunido. - Admitiu, encabulado.

- Vai a Oldale Town também? Podemos retomar a viagem. - Matt empolgou-se. - Pretendo desafiar os ginásios e participar da Liga Pokémon. Minha irmã vai tentar capturar os melhores pokémons venenosos que puder. Se seus objetivos estiverem na mesma direção, podemos ser colegas. Quanto mais gente melhor!

- Mesmo? - Grimm não sabia o que era a sensação em seu peito. Seria alegria? Seus primeiros amigos no mundo todo. - Puxa gente, obrigado! Seria uma honra. Acho que vou desafiar os ginásios, mas não sei se gostaria de ser apenas um treinador. Sempre quis entender como as coisas funcionam, no nosso mundo. Talvez fabricar pokébolas novas com apricorns, com novos efeitos. Não seria legal?

- Muito. - Concordou Candice. - E não se preocupe com Torchic, com o remédio que eu tenho, ela vai ficar nova em folha agora mesmo.

    Já era fim da tarde quando finalmente chegaram aos arredores de Oldale Town. Aliviados por terem sobrevivido, os três observaram a cidade que se erguia ao fim de uma pequena colina, e suspiraram. Estavam salvos por aquela noite.

- Hey, Grimm. Afim de treinar para encerrarmos o dia? Que tal um treino em duplas? - Ofereceu Matt. - Meu treecko e meu spearow contra seu weedle e sua torchic.

- Pode ser uma boa ideia. Não quer participar, Candice? - Perguntou, olhando para a menina que remexia em sua enorme bolsa.

- Ah não, divirtam-se vocês. Preciso lustrar as escamas do seviper. Enquanto espero vocês treinarem, faço isso. Mas depois vamos procurar um lugar para descansar na cidade. Ela é bem provinciana, mas acho que abriram uma nova pensãozinha. - Concordando com um gesto de cabeça, Grimm chamou torchic e weedle. Matt, igualmente empolgado, lançou a pokébola para liberar seus pokémons.

     Nada era mais empolgante que uma batalha pokémon.

OBS: O item do weedle pode ser uma pecha berrie mesmo.

Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Qua Ago 16, 2017 12:01 am


05 - Tag Team Battle.


Dupla Evolução? Um super acontecimento!



  O sol vermelho preparava-se para se pôr. Contudo, as luzes da cidade já enchiam o céu de luz, bem como a lua resplandecente, que parecia ter chegado adiantada, pronta a investigar o que ocorria abaixo. Matt estava a postos. Seu treecko e seu spearow pareciam concentrados. O mesmo se podia dizer de torchic e weedle. O último, um pouco intimidado diante de spearow, tremendo levemente. Pokémons insetos não eram a melhor escolha contra tipos voadores, e Grimm suspeitava de que seu adversário exploraria isto. O problema, era que o próprio treecko estava em desvantagem. Um tipo planta seria igualmente ferido por um inseto, e por um tipo fogo. Então as chances estavam a favor de Jasper, o oposto do que enfrentara quando lutara com o mudkip de Layla. Onde estaria ela, afinal? Tentando não pensar em sua rival, Grimm estava determinado a mostrar que não seria definido por seus fracassos anteriores. Pronto para entrar em ação, formou um plano que parecia coerente em sua cabeça, mas que dependeria de Matt para dar certo.


XTreinamento Pokémon X


- Vamos lá, weedle! Use poison sting contra o treecko! Torchic, pule e use ember contra o spearow. - Queria testar a estratégia de Matt, para confirmar suas suspeitas.

- Rápido, spearow, desvie da torchic e mire no weedle. Em seguida use Peck! Treecko, mire no weedle também, e use investida! - Então ele estava focando no mais fraco. Esperto. Mas Grimm imaginava que ele fosse fazer aquilo, o que demonstrava que alguns ensinamentos do internato pokémon haviam permanecido em sua cabeça oca.

- Agora, torchic, use ember nas costas do spearow! Weeedle, use bug bite no treecko! - Spearow passou voando direto por torchic, desequilibrando-a levemente. Suas perninhas curtas facilmente se recuperaram, e ela mirou no pokémon voador. Suas brasas o atingiram antes que pudesse acertar weedle, e ele acabou caindo na areia. Weedle não foi tão rápido. Recebeu a investida de treecko e saiu rolando pelo solo arenoso. - Torchic, use Sand Attack!

      Uma nuvem de areia ergueu-se, ofuscando uma visão perfeita dos quatro pokémons envolvidos. Contudo, Grimm ouviu a voz de Matt ditar comandos, e quando menos esperava, viu spearow afastar a poeira com o bater de suas asas. Era bonito de se ver, mas uma distração bem eficaz. Ele estaria ocupado abanando a poeira.

- Agora weedle, use poison sting no spearow. - Dessa vez, o bravo weedle atacou de imediato, quase como se tivesse tido a mesma ideia. Sua expressão furiosa refletiu-se num golpe certeiro, que derrubou spearow já envenenado. - Muito bem!

- Uau, Grimm! Nada mau! Pokémons venenosos arrasam! - Interrompeu Candice, gritando de longe!

- Hey, você é minha irmã, caramba! Torça por mim. - Reclamou Matt.

- Desculpe. Vai, irmãozão! - Candice não estava sendo sincera, a julgar por sua animação.

- Treecko, use ataque rápido contra a torchic! Spearos, Aerial Ace no weedle. - Os dois pokémons cruzaram em seus trajetos, com o veloz treecko saltando por cima do spearow. - Agora!

- Eu já percebi seu truque, Matt. Seria melhor ter tentado outra coisa! Torchic, use ember no treecko. Weedle, use bug bite nele também! - Torchic pulou e atingiu treecko com suas brasas. Weddle aproveitou a distração e utilizou a mordida de inseto, provocando um dano duplo e super efetivo. Treecko caiu fora de combate, mas spearow acabou atingindo torchic com seu movimento.

      Torchic guinchou e caiu rolando, amontoando-se com weedle. Por um momento, Grimm pensou que os dois estariam derrotados, ou ao menos um deles. Aerial Ace era um movimento bastante forte, e significava que o spearow de Matt não era um fracote. Pelo contrário. Contudo, seus dois pokémons o surpreenderam, levantando. Weedle mal parecia aguentar-se em pé. Ainda assim, ele e torchic se entreolharam, acenando positivamente. Os dois pareciam apoiar um ao outro, com uma determinação e uma fúria que Grimm não conhecia ainda. Como eram determinados e briguentos! Nem um pouco parecidos com seu treinador, mas de alguma forma, pareciam possuir a personalidade que ensinaria melhor Grimm a se tornar alguém seguro de si. Ele sentiu profunda admiração naquele momento. Então o que aconteceu em seguida, não o surpreendeu. Torchic e weedle brilharam ao mesmo tempo.

- Meu Deus, Grimm! Que coisa rara! - Matt puxou sua pokédex, para fotografar o momento. - É incrível!

- Eu nem consigo acreditar, de verdade. - Grimm sentiu uma mão em seu ombro, e encarou uma Candice assombrada. - É incrível, não é? Eles estão quase lá.

- Não os deixe perder o foco! Queime esse fogo, Grimm! Vai Matt, ajuda ele!

- Na verdade, acho que precisamos treinar mais. Não é ahora certa ainda. Não é, pessoal? - Perguntou Grimm, sorrindo para seus pokémons. Tanto weedle quanto torchic voltaram ao seu estado inicial, recuperados.

- Olha esse movimento, Candice! - Matt usou uma mão para retornar treecko, enquanto comandava spearow. - Aerial Ace outra vez, campeão! Aproveite que estão distraídos! - Sem se intimidar, spearow atacou.

- Torchic, Ember! Weedle, poison sting! - Os dois atacaram ao mesmo tempo, atingindo o inimigo que os encarava frontalmente. Spearow ficou fora de combate, e o brilho quase retornou, por um breve momento. - É isso aí! Parabéns aos dois!

- Você é muito durão, amigo. Lutou bem. - Matt consolou spearow, retornando-o. - Hey Grimm, parabéns pela quase evolução dupla! Olha só isso. Se eu não estivesse vendo não acreditaria. Os dois estavam mesmo conectados ali, por um momento.


     O brilho que assomou os dois pokémons tornou-se quase um só, por instantes. Grimm tinha visto. Não imaginava que o calor da batalha faria coisas desse tipo. Pela primeira vez na sua aventura, estava genuinamente ansioso. Queria aprimorar aquela relação entre seus pokémons. Achava lindo que estivessem em tamanha sincronia. Até mais do que com ele próprio. Precisava melhorar, se desejava acompanhá-los. Sabia que se evoluíssem naquele momento, ele ficaria para trás. Uma combusken imponente se posicionaria à frente dele, bem como um kakuna impassível, com sua expressão neutra. Grimm sabia que quando virasse um beedrill, kakuna não o obedeceria então, estudara isso na Escola Pokémon. Um treinador precisava ser tão forte quanto seu pokémon. Sabia que sua torchic não seria mais uma criatura ingênua, já que não estaria em sua fase bebê também, e talvez acabasse sem reconhecer sua amiga ali. Não por culpa dela, mas porque ele não estaria pronto.

- Torchic, CHIC! - Não teve tempo de reagir quando sua torchic o derrubou no chão, agarrando-o. Rindo, abraçou-a de volta, sentindo as penas macias. Olhou por sobre o ombro e apontou a pokébola de weedle, para trazê-lo de volta. Ele estava enrolado sobre si mesmo, cochilando. Aquele ali era um mistério que só poderia ser solucionado quando tivessem mais tempo juntos.

- Hey, cuidado. - Brincou, notando a empolgação de torchic. - Hey, algo me diz que o treecko está perto, também. - Comentou com Matt.

- Está, posso sentir. Conto com sua ajuda para deixá-lo mais forte! - Matt estava sorrindo, colocando sua mochila nos ombros. - Está escurecendo. Vamos para a cidade?

- Achei que nunca fosse perguntar! - suspirou Candice, retornando seu enorme seviper. - Vamos lá, meninos. Chocolate quente para comemorar a nossa nova equipe!

OBS: Usando a regra de duas ações num mesmo tópico. Treino de Weedle e Torchic.

Made by Alex


Última edição por Grimm em Qua Ago 16, 2017 1:24 am, editado 1 vez(es)
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Qua Ago 16, 2017 12:59 am


06 - O Rockruff Solitário.


O Velho Sr.Nilman!



 A pequena pensão era o bastante para que passassem uma noite agradável antes de seguirem viagem para Petalburg City, mas parecia pequena demais com tantas pessoas para dormirem ali. Alguns adultos conversavam, atarefados. Parecia que uam reunião de comerciantes estavam acontecendo na pequena cidade pacata, tornando o local extremamente populoso. Não era nada com que Grimm estivesse acostumado, quando seu pai o levara para viajar por Hoenn durante as férias de verão. Oldale costumava ser bem vazia, de um jeito quase triste e melancólico. Afundando o rosto nas mãos, acabou rindo ao ver Matt mastigando seu bolinho de arroz. Ele comia como um munchlax esfomeado, o que não era bem um elogio. Candice já havia terminado o seu jantar, e estava bebendo refrigerante com o auxílio de um canudinho. Com o local lotado, mal podiam ouvir uns aos outros, enquanto conversavam.

- Estou surpresa com essa bagunça - comentou a garota, fazendo carinho no wurmple em seu colo. - Sinceramente, não esperava que tanta gente tivesse negócios a tratar numa cidade tão pequena.

- É um evento dos feirantes de Hoenn. Os vendedores de apricorns, berries, pokécubos, macarons, estão todos aqui. Tem gente de todas as regiões. E parece que o evento vai viajar por toda Hoenn, para que as pessoas comuns possam comprar os produtos. Talvez encontremos esse pessoal mais vezes no futuro. - Comentou Matt, mostrando para Grimm o panfleto em sua mão.

- Eu tinha vontade de conhecer Kanto. Lá tem um pokémon estrela que pode se regenerar. Staryu, o nome. É o meu pokémon favorito. Depois da torchic e do weedle, é claro. - Candice riu, tomando o panfleto da mão de Grimm.

- Staryu é um ótimo pokémon aquático, mas não precisa ir para Kanto. Quando fomos à praia em Slateport City, eu vi uma. - Candice leu o papel em sua mão. - Sabe, essa convenção vai ser bem útil se precisarmos de suprimentos ao longo do caminho. Isso é, se acabarmos encontrando mesmo com eles.

- Com licença, meus jovens. Posso ter me enganado, mas vocês três parecem crianças que acabaram de iniciar suas aventuras, não é mesmo? Como é viajar sozinhos pela primeira vez? - Um senhor idoso aproximou-se, sentando-se entre Matt e Candice. Ele usava óculos e era bem baixinho. Sua careca contrastava com a barba longa e branca, bem com com as bermudas brancas e a blusa com temas florais, cor de laranja. - Eu sou um comerciante de Alola. Já ouviram falar da região mais quente e bela do mundo?

- Alola é linda mesmo, mas só vi pelo computador. A professora mostrou fotos dos pokémons que vivem lá, na Escola Pokémon. - Contou Grimm, fazendo Matt rir.

- Você é um rapaz de internato? Por isso começou a jornada tão velho! - Ele levou uma cotovelada de Candice. - Hey! Foi mal, Grimm.

- Só sou um ano mais velho que vocês, Matt. - Grimm revirou os olhos. - Senhor, podemos ajudar?

- Bem, filho eu tenho uma proposta a fazer. Acontece que esta é a minha última viagem antes de me aposentar. Eu pretendo comprar uma cabana na praia e passar o resto dos meus dias no mar, pescando. O problema, é que tenho um amigo que não se dá muito bem com água. Seria uma vida estressante para um pokémon tipo pedra, viver no alto-mar. Então estou procurando um novo treinador para ele. Conhece o rockruff? - Indagou o homem, animado.

- É um pokémon tipo pedra que evolui de maneira diferente a depender do momento, se noite ou dia. Certo? - Candice olhou para Grimm, sem saber do que ele estava falando.

- Isso mesmo. Rockruff evolui para Lycanroc de duas maneiras diferentes, bem esperto. Ele é meu único pokémon que não é do tipo aquático, e não queria que ele ficasse solitário na cabana, enquanto fico no mar com os outros. Não é justo com um amigo tão querido. - O velho bebeu seu próprio suco de abacaxi, que trouxera do balcão de atendimento.

- O que precisamos fazer para que nos escolha? - Matt parecia interessado. - Eu poderia usar um tipo pedra.

- Rockruff precisa sentir que terá uma vida agradável com vocês, então sugiro uma batalha pokémon. Quem me vencer, vai ter a chance de perguntar ao rockruff se ele gostaria de seguir viagem com vocês. O que me dizem? Ah, olha que esquecido. Sou o Sr. Nilman, a propósito. - O velho sorriu, e Grimm achou bem divertido que tivesse um dente de ouro. Parecia quase um marinheiro, como desejava.

- Sou uma treinadora de pokémons venenosos, então entendo sua situação, sr. Nilman. Não posso tentar ficar com seu rockruff e deixá-lo preso no mesmo problema. Acho que isso deixa o senhor com meu irmão e nosso Grimm aqui. - Candice sorriu. - Imagino que não sejamos os primeiros a encontrá-lo, então o senhor deve ser muito bom no que faz, se já venceu outros treinadores antes.

- Ah, eu encontrei uma menina antes. Ela me venceu, mas não quis ficar com o rockruff. Disse que não tinha tempo para pokémons fracos. Um tanto mal-educada, a mocinha. - Grimm soube que ele falava de Layla. Ela não tinha mesmo limites. Não mencionou que a conhecia, porque nem Matt nem Candice a haviam visto. Falaria uma outra hora. - Ela tinha cabelos cor de rosa, mas do mesmo tamanho que os seus, querida. - Candice tinha cabelo loiro, enquanto seu irmão tinha cabelo castanho claro. Era a única diferença aparente entre os dois.

- Bem melhor para nós. Não é mesmo? - Matt levantou-se, animado. - Quando o senhor quiser, podemos desafiá-lo.

- Ótimo. Vamos lá para fora.

 
X Captura/Batalha Pokémon X

      Algumas crianças reuniram-se ao redor dos treinadores que se preparavam para batalhar. Matt e Grimm tiraram a sorte para definir quem enfrentaria o senhor Nilman primeiro. Grimm escolheu papel, vencendo a pedra de Matt e tomando a primeira chance. Matt pareceu chateado, mas acabou sorrindo para torcer pelo amigo. Candice seria a juíza, determinando o fim do combate quando um dos adversários estivesse fora de combate. Certo de que precisaria de habilidade para vencer aquela batalha, uma habilidade que ele talvez não possuísse por completo, Jasper concentrou-se. Sr.Nilman chamou seu rockruff, que parecia bastante fofo e jovem, mas determinado. Ele olhava fixamente, quando Grimm chamou sua torchic, que pulou alegremente fora da pokébola, piando. Chic-chic. O barulhinho era bastante agradável, e as crianças pareceram adorar. Algumas já estavam torcendo por Jasper.

- Muito bem, meu jovem. Não vou pegar leve com você! Rockruff, vamos lá! Use Sand Attack e depois Investida! - Rockruff correu ao mesmo tempo em que erguia uma nuvem de poeira. Sua investida atingiu torchic, que foi atirada para longe, ainda que não escapasse de dentro da poeira erguida. - Agora, use Bite!

- Torchic, evasiva! - Torchic não sabia bem para onde ir, mas rockruff não sabia bem onde atacar, também. Os dois desencontraram-se, bem a tempo para uma recuperação. - Agora! Use bicada! - Impulsionando-se para a frente, torchic saltou numa velocidade assustadora. Era a primeira vez em que usava seu movimento, e parecia naturalmente dotado daquela capacidade, executando-a com perfeição. O golpe do tipo voador furou tão rapidamente através da poeira, que a desmantelou, aumentando a visibilidade novamente. Rockruff foi atingido, mas o golpe não pareceu feri-lo muito. Uma nova investida quase atingiu torchic, se ela não tivesse desviado sozinha. - Torchic, use ember duas vezes!

     As brasas choveram sobre rockruff, levantando fumaça com os consecutivos acertos. Grimm sabia que todos os golpes de torchic teriam desvantagem contra rockruff, então se não lutasse de maneira brutal, não teria a menor chance. Nilman ordenou que seu pokémon usasse a mordida, e Grimm percebeu que se fosse atingido mais duas vezes que fossem, perderia a batalha. Rockruff, ao contrário de torchic, tinha maneiras de atingi-lo com um dano eficaz.

- Torchic, use o bicada como impulso para escapar. - Como um propulsor, o bico de torchic o empurrou para longe, quando ele flexionou as perninhas. Grimm não sabia de onde havia retirado aquela estatégia, mas estava feliz que estivesse funcionando. - Agora, use ember!

      Do alto, torchic usou ember por várias vezes, atingindo o pokémon de pedra abaixo de si. Quando a enorme nuvem de fumaça sumiu, rockruff estava fora de combate, e sr. Nilman sorria, de braços cruzados. As crianças comemoraram, enquanto Grimm e torchic abraçavam-se animadamente.

- Meus parabéns, rapaz. Usou a fraqueza de seu pokémon como uma maneira de vencer. Eu não esperava por isso. - Elogiou sr. Nilman, alegre.

- Eu também não. - Resmungou Matt, desanimado. Todos riram juntos.

Depois, antes que todos fossem dormir, sr. Nilman comprou sorvetes para o trio, e todos reuniram-se ao lado da lareira, em uma das poltronas acolchoadas da pensão de Oldale. Rockruff descansava preguiçosamente no colo do velhinho, enquanto wurmple dormia em seu ninho na cabeça de Candice. Torchic e weedle estavam comendo ração pokémon com spearow e treecko, enquanto os meninos ouviam as histórias do senhor Nilman.

- E foi assim meus amigos, que vi um gyarados vermelho em Johto! Vocês não acreditariam na enorme tempestade que sacudiu a cidade inteira, naquele dia. - Eles estavam maravilhados com aquelas aventuras. - Isso foi antes de me mudar para Alola, e desde então nunca mais quis deixar a paz e o sossego. - Ele voltou-se para Grimm. - E então, filho? Pronto para fazer sua pergunta? - Grimm engoliu em seco, nervoso. Olhou para rockruff e sorriu. - Muito bem. Rockruff, meu amigo, nosso colega Grimm gostaria de saber se você gostaria de acompanhá-lo em sua jornada pokémon. Nós dois sabíamos que este momento chegaria, quando o acolhi. Prometi que ia encontrar um bom treinador para você quando viéssemos para Hoenn, não foi? O que acha dele?

Rockruff desceu do colo de Nilman e pulou sobre as pernas de Grimm. Paralisado, Jasper olhou fundo nos olhos do pequeno pokémon, desejando que ele decidisse que valeria à pena ser seu amigo. Rockruff por fim cheirou sua mão, e abocanhou o que restava de seu sorvete, comendo por inteiro. Seu rosto assumiu uma expressão feliz, e ele latiu. Havia se decidido.

- Haha! Parece que está tudo acertado, então! Não se preocupe, pequeno. Nós vamos nos ver outras vezes! Não é mesmo, Grimm? - Sr. Nilman abraçou e recebeu lambidas em seu rosto, despedindo-se de seu amigo.

- Eu prometo, senhor Nilman. Eu e rockruff ficaremos fortes, juntos. - Solene Grimm estendeu a mão para pegar a pokébola que o velho sr. Nilman havia oferecido. - Seja bem-vindo, rockruff!

Torchic e weedle fizeram barulhos animados, enquanto spearow e treckoo juntavam-se às comemorações. O time estava cada vez maior. Logo, seriam mesmo uma família. E Grimm era muito grato, por tudo isso.

Link da Rota:Aqui.

Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Qua Ago 16, 2017 9:01 am

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

Tendo em conta o treino... Eba, mais personagens recorrentes! Foi um treino ótimo como os outros. Gostei da emoção e a parte em que Treecko e Spearow se cruzam foi especialmente épica. Só achei uma coisa estranha: no início da batalha você por alguma razão não narrou os ataques. Tirando isso, foi uma boa leitura.

Nota: Ótimo
Bônus: Torchic recebeu 6 níveis (+1 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento Reborn); Weedle recebeu 6 níveis (+1 graças ao bônus de classe; +1 graças ao evento reborn); Personagem recebeu 8 níveis (+2 graças ao bônus de classe; +2 graças ao evento Reborn).

Tendo em conta a captura... Gostei da trama pois deu para criar um sentimento de compaixão para com o Rockruff logo de início. O pequeno descontentamento de Matt no final da batalha é um pequeno detalhe que eu gostei. Pode parecer mínimo, mas eu acho importante que personagens como ele se sintam desanimados em situações semelhantes. Também apreciei o seu uso combos e estratégias durante a batalha.

Nota: Ótimo
Bônus: Rockruff capturado a nível 7 (+1 graças ao evento Reborn) com uma berry à escolha (entre em contacto comigo para inserí-la); Torchic recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn); Personagem recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn).

(OBS: Pecha Berry adicionada.)

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Qua Ago 16, 2017 11:14 pm


07 - Beedrill! O desafio de wurmple.


Primeira Evolução!



   Enquanto a manhã avançava, finalmente o trio de amigos deixou a cidade de Oldale Town. Enquanto subiam uma pequena colina para iniciar a trilha até Petalburg City, acenaram para o sr. Nilman, que os deixaria por enquanto. Com um novo propósito e alegria no coração, Grimm teve certeza de que o encontraria outra vez. Esperava que nesta altura, pudesse mostrar progresso no treinamento de seu rockruff. A caminhada foi tranquila, com os sons da natureza e da vida pokémon circundando os parceiros sem muitos percalços. A fome, entretanto, já estava batendo quando finalmente chegaram à uma campina aberta, onde treinadores sentavam-se ao ar livre, fazendo pique-niques com seus pokémons. Haviam outros grupos de aventureiros por ali, todos em pequenos grupos animados e barulhentos.

- Bem pessoal, acho que seria uma boa parar por aqui. Vou preparar o nosso almoço e podemos ficar a tarde toda aproveitando essa paisagem. Os ginásios não vão sair do lugar, mesmo. - Ofereceu-se Matt, abrindo sua enorme mochila para pegar uma enorme manta quadriculada. - Venham, amigos!

    Spearow e Treecko apareceram, os dois pareciam relaxados e animados com o ambiente. Spearow esticou as asas e foi voar acima deles, exercitando-se. Grimm animou-se ao ver a cena, liberando seus três pokémons também. Rockruff começou a correr atrás de torchic sobre a grama, enquanto weedle e wurmple pareciam ter uma conversa silenciosa, analisando-se mutuamente. Seviper enrolara-se sobre a própria cauda, e descansava sobre a grama alta. Candice sentou-se ao lado dele, deitando a cabeça sobre seu corpo na manta de flanela. Grimm agachou-se ao lado dela, puxando em sua mochila uma enorme tigela de ração pokémon, suficiente para alimentar todos os monstrinhos do grupo. Imediatamente, Rockruff parou de correr e lançou-se sobre a comida, passando na frente de todos os outros. Ultrajados, os pokémons observaram enquanto o guloso devorava a maior parte dos recursos para aquele dia. Mortificado, Jasper o chamou de volta, assim que havia comido mais da metade do que servira aos pokémons.

- Minha nossa! Quanta fome! - Ele virou o saco de ração sobre o solo outra vez, servindo os pokémons. - Desculpem por isso, pessoal.

- Tem certeza que o velho Nilman não se livrou dele por causa do prejuízo? - Grimm olhou feio para Matt. - Desculpa, piada ruim.

- Na verdade, foi uma boa piada.- Admitiu. - Pelo menos ele não está mais com fome. Hey, Candye, o que acha de treinarmos um pouco? Podemos usar o wurmple contra o weedle, o que me diz?

- Na verdade, eu só usei o wurmple em batalha uma vez, contra o treecko. Ele não gosta muito de lutar, tem medo. - Ela acariciou o wurmple em seu colo, e o pequenino estremeceu. - É bem o oposto do seu weedle.

- Ora, Candice, o único jeito de melhorar é batalhando e enfrentando os medos. Não quer saber em qual pokémon ele irá se transformar? - Insistiu Matt. - Além do mais, se ele não fosse tão medroso, já teria evoluído. Todos sabem que os tipo inseto não precisam de tanto tempo assim. Tá mais fácil seu seviper evoluir, desse jeito.

- Haha, muito engraçado, seu bobão. Não fira os sentimentos do meu bebê. - Wurmple parecia ofendido, os olhos cerrados em irritação. - Muito bem, rapaz. Vamos mostrar pro chato do Matt como você é forte. Weedle, pode nos ajudar? - Weedle sorriu com os olhos, animado. Candice tinha muito jeito com pokémons.

X Treinamento/Evolução Pokémon X

    Grimm e Candice estavam em posição. Usando a plana campina como campo de batalha, permaneciam concentrados em seu adversário, enquanto Matt observava, debruçado sobre uma panela elétrica, onde preparava yakisoba. Outros treinadores também estavam batalhando, então o ruído geral de outras batalhas preenchia o ar, com sons indefinidos. Todos pareciam animados, mas wurmple estava tenso. Weedle o encarava de maneira impassível, e Grimm nunca imaginou que aquele pequeno pokémon pudesse intimidar outro, em seu primeiro estágio. Mesmo assim, Wurmple parecia pouco inclinado a batalhar.

- Vamos lá, wurmple! Está tudo bem. Só dê o melhor de si, okay? Tudo vai ficar bem.- incentivou Grimm, sorrindo. Wurmple encheu os próprios pulmões, preparando-se. Candice pareceu tocada pelo apoio do amigo, e preparou-se também. - Vamos lá, weedle! Salte e use o bug bite!

       Weedle moveu-se rapidamente. Ele estava impaciente para lutar, e quase agindo por conta própria. Grimm sempre se perguntava como um pokémon tão frágil podia ter um temperamento tão dominante. Aceitou que tamanho não era documento, e observou enquanto o chifre de weedle brilhou intensamente, dirigindo-se para wurmple. Aguardou pelo contragolpe, mas... nada. Weedle atingiu seu alvo, e wurmple rolou para longe, estremecendo de dor. Os dois treinadores observaram a cena, e Candice pareceu indecisa sobre o que fazer.

- Você me disse para não deixar o fogo da evolução apagar, lembra? Acenda-o no wurmple, Candye. Você consegue. - Candice assentiu e preparou-se. Weedle guinchou, preparado para revidar.

- Vamos lá, wurmple! Use fio de seda para envolver o weedle. Em seguida, use bug bite! - Os fios de wurmple saíram profusamente, assomando contra weedle numa velocidade surpreendente. Wurmple era um pokémon bem forte, apesar de seu temperamento pacífico. Os fios enrolaram-se em weedle, e ele foi puxado contra wurmple de uma só vez. - Ótimo, meus parabéns! Acerte-o.

     Weedle foi lançado para o alto, atingindo uma distância que impressionou Grimm. Lá de cima, seu pequeno pokémon assumiu uma expressão vingativa. Ele desejava dar o troco. Enquanto caía, Grimm gritou para que usasse o tiro de espinhos. O golpe choveu sobre wurmple, usando a força de seu golpe contra ele. Wurmple foi atingido, também rolando para longe. Quando weedle aterrissou, estavam ambos feridos, mas determinados. O medo finalmente havia deixado o pokémon de Candice. Ele parecia tão determinado quanto weedle, se não mais. Os dois respiravam com uma velocidade assustadora, determinados a subjugar o outro. Era o verdadeiro confronto dos tipos inseto. Grimm estava mais empolgado do que imaginara. Era hora de deixar a animação tomar conta.

- Weedle, atire-se contra wurmple e use investida! - Gritou, agitado.

- Você também, wurmple! Dê-lhe uma boa cabeçada! - Anuiu Candice, sacudindo um braço no ar.

      Os dois pokémons se chocaram, e o impacto fez um barulho alto. Os dois tremiam ao medir forças, um empurrando o outro para longe. Matt observava com uma animação evidente, bem como os pokémons, que torciam. Com exceção de rockruff, que continuava na pokébola. Candice e Grimm comandaram que seus pokémons usassem o mordida de inseto ao mesmo tempo, e os dois acertaram o alvo. Wurmple saltou e atingiu weedle com sua cauda pontuda, sendo arremessado de volta ao solo logo em seguida, com o uso do chifre do pokémon venenoso. Os dois ainda chocaram-se mais duas vezes usando o investida sem que fossem comandados, antes de brilharem em conjunto. Assustadoramente, enquanto chocavam-se, assumiram uma nova forma, esta maior. Em seguida, como se a disputa fosse permanente, mudaram outra vez, avançando juntos para um novo estágio. O que Matt dissera parecia ser verdade, nada diferente do que Grimm ouvira na escola pokémon. Pokémons do tipo inseto evoluíam cedo, e tinham acumulado tanta energia, que agora eram capazes de transcender seus estágios evolutivos de uma única vez. Estava assustado, no entanto. Candice ficaria sabendo de uma só vez se o seu wurmple era ou não um pokémon venenoso. Os dois ainda mediam forças, quando finalmente revelaram suas novas formas.

     Um beedrill media forças com um dustox, um empurrando o outro. Sem aviso e provavelmente devido à exaustão da evolução e da batalha, acabaram caindo juntos, fora de combate. Candice e Grimm olharam-se por um longo momento, antes de segurarem o riso. Aquilo era mesmo estranho.

- Nem weedle, nem wurmple... Ou melhor, nem beedrill, nem duztox possuem condições de seguir batalhando. Declaro um empate! - Candice e Grimm riram, correndo para socorrer seus amigos pokémons.

- Estou muito orgulhosa, e feliz por você, dustox. Mesmo que você fosse uma beautifly, eu nunca te deixaria ir embora. - Candice retornou seu pokémon, cuidadosa. Seviper juntou-se a ela em comemoração.

- Você também, beedrill. Descanse, vai precisar de suas energias para a viagem. - Grimm chamou seu amigo de volta, solene. - Meus parabéns, Candice. Wurmple provou a si mesmo por amor a você. Estou feliz por ele ter se tornado um dustox.

- Ela também. Pode dizer o que quiser, irmãzinha, mas você me daria o wurmple se ele fosse um beautifly. Admita. - Matt provocou, fazendo Candice revirar os olhos. - Tudo bem, não diga nada então. Vamos comer.

- Eu aceito - concordou Grimm. - Ainda não tomei o café da manhã.

       Os amigos reuniram-se ao redor do yakisoba quentinho, servindo-se em pequenas tigelas de sopa levadas por Matt para todo o canto. Usaram hashis de madeira para comer, e estava mesmo muito bom. Matt não parecia cuidadoso o bastante para cozinhar bem, mas Grimm sabia que as aparências enganavam. Seus amigos eram mesmo ótimas pessoas. Estava se afeiçoando rápido. Mas a verdade é que, muito embora Candice tivesse um novo pokémon venenoso e weedle tivesse se saído bem, tornando-se um beedrill, Grimm não ignorava a personalidade de seu pokémon. Tinha medo que beedrill não o obedecesse, e fosse ainda mais briguento que sua evolução anterior. O que seria um problema, pois contava com a ajuda dele para o primeiro ginásio. Ainda que seus pokémons não fossem os melhores para lidar com tipos rochosos, devia admitir. Talvez devesse tentar pescar em Petalburg. Afinal, lá tinha uma praia. Comeu em silêncio, concatenando suas ideais e evitando estragar o momento de sua amiga. Teria tempo para resolver o que faria, até o momento certo.

   Agora, era hora de retomar a jornada e alcançar Rutsboro City e enfrentar seu primeiro ginásio. Teria, claro, que visitar Petalburg e sua floresta, primeiro.


OBS: Cueio, como diz que as evoluções seguem as regras do treinamento, achei que não teria problema evoluir o weedle direto para beedrill, por ele já ter mais que o nível necessário e não ter muita utilidade como kakuna. Seria difícil narrar uma batalha usando apenas Harden. Se não puder considerar, avise-me que edito e faço uma evolução apenas para kakuna, de qualquer modo.

OBS²: Você esqueceu de atualizar meus níveis de treinador, só mudou o dos pokémons, na última avaliação. Pelas minhas contas eu já estaria nível 19, e ainda estou no 8.



Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Qui Ago 17, 2017 6:28 pm

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

Deu para notar um grande contraste desde o início da história e o fim da batalha: o texto começou calmo e terminou com uma batalha ÉPICA. E você conseguiu fazer uma boa transição entre esse contraste. No geral foi tudo bem narrado com uns pequenos erros ortográficos aqui e ali, mas nada de mais.

Nota: Ótimo
Bônus: Weedle evoluiu para Beedrill e recebeu 4 níveis (+2 graças ao evento Reborn); Personagem recebeu 8 níveis (+2 graças ao evento Reborn).

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Qui Ago 17, 2017 11:46 pm


08 - A Casa Assombrada.


O trio assustador!



 Petalburg era ensolarada e cheia de vida. Mesmo ao longe, na entrada da cidade, era possível ver o ginásio da cidade, imponente. Todos sabiam que o seu líder, Norman, era um treinador respeitado mesmo em outras regiões, e conhecido pelo seu bom desempenho na Liga Pokémon, quando mais jovem. Sua filha May também era conhecidíssima pelos coordenadores de Hoenn. A atual campeã era uma das melhores e mais estilosas de sua geração. A família inteira era de astros, porque mesmo o mais jovem, Max, era um treinador que chegara às quartas de final da Liga Pokémon no ano anterior. Grimm devia admitir que aquela família era mesmo o orgulho de Hoenn, sem exceções. Enquanto caminhava entre a cidade pacífica, com poucas casas de estilo mais rústico, acabou surpreso quando Matt e Candice pararam. Eles acenavam animadamente para uma mulher mais velha, parada à porta de uma das residências.

- Titia Silena! - Gritou Matt, surpreso. Os dois correram para cumprimentá-la, totalmente animados. - Candice estava radiante. - Não sabíamos que tinha se mudado para cá! Que coincidência.

- Sua mãe ligou e me disse que estavam a caminho, depois que deixaram Littleroot. Já capturaram muitos pokémons? E, oh! Que falta de educação a minha! Quem é o seu amigo, Matt? - Indagou, gentilmente.

- Este é o Jasper Grimm, titia! Mas só o chamamos de Grimm, mesmo. Ele é um ótimo treinador. Está viajando com a gente. - Jasper ficou feliz em ser elogiado pelo seu amigo, e adiantou-se para apertar a mão de Silena.

- Matt exagera. Ele é muito bom, também. Candice é outra, com certeza será uma ótima mestra do tipo venenoso. - Afirmou, fazendo Silena sorrir.

- Bem, fico feliz que eles tenham feito um amigo. É sempre melhor viajar entre amigos. - Afirmou, animada. - Se quiserem passar a noite na minha casa, serão bem vindos. Eu moro sozinha agora, crianças. Ainda estou arrumando as coisas, desde que deixei Lavender Town, em Kanto. - Contou, sorrindo.

- Titia, por que voltou para Hoenn? - Candice parecia preocupada. - E tio Julius?

- Bem, algumas coisas não dão certo, querida. Decidimos que seria melhor não casarmos. Ele ama demais sua vida como fotógrafo pokémon, e quer viajar o mundo. Eu, por outro lado, desejo um cantinho tranquilo para sossegar e gastar o dinheiro que seu avô deixou para mim e sua mãe. - Silena sorriu, e Grimm admirou-se de sua honestidade. - Entrem, a casa está suja, mas é aconchegante. Estava mesmo esperando pelos três para desejar sorte.

        A casa da tia Silena era mesmo tranquila e bonita, apesar da bagunça. Trabalhando em conjunto, todos a ajudaram a colocar caixas e móveis no lugar. Com exceção de dustox e beedrill, todos os pokémons foram chamados para ajudar no transporte dos objetos, e cada um carregava o que podia. Spearow e torchic levavam peças de roupas em seus bicos, solidários. Treecko usava seus braços curtos, enquanto seviper e rockruff levavam o que podiam com a boca. Grimm e Matt jogaram-se sobre o sofá de Silena, exaustos depois de colocar sua geladeira no local correto. Candice tirou o pó de todas as janelas, deixando a luz entrar. Colocaram algumas caixas ainda fechadas no porão, antes de arrumarem o chão da sala para que pudessem dormir à noite. Jantaram juntos, comendo bolinhos de arroz preparados na panela eletrônica. Estava delicioso.

- Sabem, é bom finalmente acabar o trabalho pesado. É a primeira noite em que vou poder dormir na nova casa. Nos dois primeiros dias acabei dormindo na pousada próxima ao lago, pagando para comer lá, também. - Segredou, bem humorada. - Acredito que ainda faria isso por outros dias, não fosse a ajuda de vocês. Sabe, têm acontecido umas coisas estranhas aqui.

- Coisas estranhas? De que tipo? - Candice bebeu seu suco de uva, chupando o canudinho. Ela era viciada naquelas coisas cheias de corante.

- A maior parte do que arrumei no primeiro dia, estava fora do lugar quando cheguei em casa, ontem. O mesmo hoje, então a maior parte do que eu tinha arrumado bagunçou-se de novo. - Matt engasgou com seu bolinho de arroz, bagunçando um pouco a confusão de edredons e cobertores onde ele, Grimm e Candice estavam deitados. - Assustador, não é?

- Bastante. Satisfeita por ter perguntado? - Reclamou Matt, com Candice. Ela riu nervosamente. - Quero ver como vamos dormir agora.

- Eu vou dormir como um bebê. - "Ou chorar como um", completou Grimm em sua cabeça, fingindo-se de corajoso.

- Não sejam bobos, meninos. Não é como se assombrações existissem, afinal. - Afirmou. Ela devolveu sua tigela de arroz para a bandeja sobre a mesinha de centro, e Silena a arrumou para que pudesse levá-la para a cozinha quando terminasse aquela conversa. - Te amo, titia. Boa noite.

- Boa noite, querida. Nos vemos pela manhã. - Silena recolheu toda a louça de Grimm e Matt, deixando-os que se acomodassem.

        No escuro, Grimm sabia que ninguém tinha os olhos fechados. O silêncio caiu sobre a cidade junto com o avançar das horas, e daquela forma, acabaram por permanecer em silêncio. O nervosismo era forte, embora nenhum dos três quisesse quebrar o que ocorreria entre eles a cumplicidade e a conexão do medo. Ainda estava fingindo dormir, quando os gritos de Matt acordaram Silena. Um grande estrondo sacudiu o porão da casa, e de uma só vez, todos os eletrodomésticos se moveram, ligaram ou desligaram. O som que vinha da cozinha apavorou Grimm, e ele levantou-se assustado, abraçando Candice e sentindo-se arrepiar inteiro. Matt estava chorando agarrado ao sofá, quando uma das luzes se acendeu e Silena surgiu em seu roupão. Ela estava no meio da escovação de seus dentes, e parecia preocupada. Vestida com seu roupão de dormir e uma toalha enrolada no cabelo molhado. Ela também arregalou os olhos ao ver a cozinha completamente bagunçada.

- O quê é isso, pelo amor de Arceus? - Gemeu Candice, horrorizada.

- Eu não sei, mas voto para sairmos daqui! - Matt guinchou e Silena assentiu.

- Venham para fora crianças, eu vou devolver essa casa! - Ela mexeu no bolso de seu roupão e retirou uma pokébola dali, apertando o centro dela para expandi-la. - Vá Victreebell!

X Treinamento de Rockruff / Captura de Gastly X

     O pokémon tipo planta/veneno surgiu, e Candice olhou para ele maravilhada. Ainda assim o momento não durou muito tempo. Enquanto escoltava os meninos e Silena para fora, Victreebell foi atingido por uma esfera negra de energia e lançado com um estrondo do quintal, para o meio da rua. Mais duas esferas vieram logo depois, atingindo o pokémon ao mesmo tempo. Ele, obviamente, acabou desmaiando após os golpes poderosos. Chocado, Grimm olhou para seus amigos. Os dois tinham uma expressão de medo, e incerteza.

- Crianças, entendi tudo. Lavender Town é a capital mundial dos pokémons tipo fantasma! Não são aparições humanas, são pokémons fantasma que vieram junto com a minha mudança. Eles devem ter se embrenhado em minhas bagagens! - Esganiçou-se Silena.

- Se são pokémons podemos derrotá-los! Vá, Seviper! - Candice chamou seviper, e empertigou-se na direção da casa assombrada.

- Treecko, você também! - Chamou Matt, ainda assustado.

- Rockruff!

       O trio de pokémons parou à frente de Silena, protegendo-a enquanto chamava de volta o seu victreebell. Saido da casa, três sombras negras surgiram, rodeando todo o local. Os vultos voaram ao redor e sobre os pokémons das crianças, emitindo ruídos e sons assustadores. Olhando para as ruas, rapidamente os meninos viram luzes acenderem, denunciando que a algazarra geral estava despertando os cidadãos. Finalmente os vultos negros com olhos vermelhos revelaram-se. Nada mais eram que um gastly, um haunter, e sua forma evoluída: gengar. Apavorado, Grimm pensou que não teriam chances contra aqueles três. Matt e Candice pareceram pensar a mesma coisa. Todos chamaram para a batalha torchic, spearow e dustox. Agora talvez pudessem fazer alguma coisa.

- Torchic, use Flame Spin! Rockruff, pule e use bite! - Grimm sabia que golpes físicos não dariam resultado naquela situação. Ao menos a mordida de Rockruff era um movimento do tipo escuridão, o que funcionaria muito bem contra aqueles alvos. - Acerte o gastly! - Queria derrubar o mais fraco, para que pudessem se ocupar de quem realmente representava perigo.

- Spearow, use Assurance em quem o torchic acertar primeiro! Treecko, use vine whip para proteger os outros! - Matt perdera o medo com a emergência da situação. Estava pronto, e determinado. Candice parecia ter se recuperado, também. Estava bem ao lado de sua tia.

- Seviper, use Venoshock! Dustox, use Psybeam! - Os pokémons das crianças partiram em união, naquele confronto assustador, mas instigante.

       Torchic girou utilizando o flame spin. Ele mirou em gastly, mas haunter interpôs-se entre os dois. O pokémon fantasma foi atingido, mas acabou acertando torchic com um shadow ball. Lançada para longe, torchic piou alto, acabando por embolar-se com rockruff. Os dois acabaram cambaleando, embora rockruff não tivesse sofrido danos. Spearow tentou acertar haunter, mas este desviou revelando gengar. O golpe, embora eficaz, acabou enfraquecendo por ser o primeiro dano do alvo na batalha, mas o chicote de vinha de treecko afastou gengar do seu parceiro. Gastly desapareceu e surgiu à frente de spearow, enquanto este fazia um retorno no ar para se posicionar. Com movimentos rápidos e um sorriso assustador, gastly fez o pokémon de Matt dormir. Spearow despencou do ar, enquanto abaixo dele, seviper tentava acertar haunter com sua poison tail. Ele desviara do venoshock. Dustox por outro lado, atingiu gengar. Mas o dano pareceu irritá-lo ainda mais.

- Treecko, pegue spearow com seus cipós. - Treecko saltou em sua velocidade absurda, pegando spearow no ar. O pokémon voador ainda estava dormindo, quando um furioso gengar começou a envolvê-lo de longe com uma névoa negra. - Ah não! - Matt parecia reconhecer o golpe. - Treecko, use Mega Drain!

- Dustox, use gust para atacar o gastly! Seviper, outro venoshock naquele que se aproximar mais de dustox! - Candice sabia que aqueles golpes não acertariam exatamente quem ela queria, considerando que os adversários flutuavam o tempo todo.

- Rockruff, ataque com bite enquanto Gengar está distraído. Você repita o flame spin, torchic!

        O que houve a seguir foi rápido e simultâneo. Mas épico. Spearow foi posto fora de combate, caindo após a utilização do Dream Eater de Gengar. O golpe de Treecko não acertou o pokémon mais forte, e sim gastly. Em seguida ele flutuou velozmente para longe, arremessado. Passou na frente de gengar, sendo atingido em cheio pelo flame spin e pelo bite de rockruff. Indo flutuar até o chão, parecia quase derrotado, quando dustox passou voando em velocidade alta, para atingir o gengar próximo de gastly. Infelizmente, o pokémon inseto paralizou no ar, quando Haunter o atingiu com um Confuse Ray. Totalmente fora de si, dustox lançou um psybeam poderoso, atingindo treecko e torchic enquanto usava o flame spin. Haunter riu e mostrou a língua para as crianças, fazendo uma careta engraçada. Grimm mal podia acompanhar tudo. Assustado, tentou comandar torchic, mas gengar o atingiu com suas shadow balls, encerrando o combate. Torchic desmaiou, e as coisas não pareciam ir nada bem.

- Dustox, volte! - Candice o retirou, já que não podia arriscar que ele ferisse outro aliado ou a si mesmo. - Já chega, seus bobalhões! Não vou deixar que fiquem rindo da gente! Seviper, use evasiva e em seguida Night Slash.

- Ele já dominou esse golpe? - Preocupou-se Matt? - Diabos, não tem melhor hora que agora! - Concordou, por fim! Treecko, use Energy Ball!

- Rockruff, saia de perto do gengar e finalize o gastly com um bite! - Grimm aproveitou que seus amigos estavam ocupados com os mais forte, e usou seu pokémon para eliminar uma ameaça. Seus professores ficariam orgulhosos. Um pokémon tipo pedra não podia fazer muito ali, então precisava usar o único movimento útil para aquela luta.

         A esfera de energia de treecko chocou-se com o shadow ball lançado por gengar. Vento varrou o quintal de tia Silena, quebrando suas janelas com o impacto. Seviper ao mesmo tempo saltou e atingiu Haunter com um golpe de sua cauda, imbuído de energia obscura. O pokémon emitiu um som de dor, voando para longe, rodeando para atacar outra vez. Gastly ainda tinha dificuldades para se reerguer, quando rockruff o acertou finalmente. Ele caiu fora de combate e sem perder tempo, Grimm lançou sua pokébola, que o absorveu. Ela piscou por três vezes, antes de capturá-lo. Treecko, no meio tempo, usava sua grande velocidade para escapar de gengar. Ele tentava acertá-lo com o uso de shadow claws. O pokémon tipo grama saltava e desviava, diante os olhos assustados de Matt.

- Parabéns, Rockruff, agora ajude o treecko! Use Bite! - Rockruff saltou e mordeu a cauda de gengar, com energia das trevas. O pokémon fantasma virou-se e acertou-lhe em cheio, com o golpe fantasma. Por ser mais fraco, o pequeno tipo pedra caiu fora do combate. Grimm conseguiu pegá-lo do alto, em seus braços. - Agora o show é de vocês, amigos! Tentamos ao máximo.

- Use Energy Ball, Treecko!

- Ótimo! Seviper, use Poison Tail!

      Aquele momento pareceu durar anos. Gengar estava virando-se para responder ao avanço de treecko, quando algo aconteceu. A esfera de energia tornou-se outra coisa, e uma energia azulada envolveu treecko. O impacto brilho, ofuscando a todos por um momento. Raios azuis saiam da boca de treecko, atingindo o pokémon fantasma em cheio! Candice ficou chocada, enquanto seu seviper acertava seu próprio golpe e derrubava haunter. Ela o capturou, sem muito esforço. Estava mais ocupada observando a luta do irmão. Treecko ainda estava de pé, arfando com a fumaça que o envolvia. Gengar estava muito ferido, mas não derrotado. Então treecko brilhou. Intensamente, assumiu uma nova forma. Grovyle surgiu, de braços cruzados e cara de poucos amigos. Saltou e repetiu seu novo movimento, acertando o adversário antes que este pudesse reagir. Uma pokébola negra surgiu, capturando o pokémon fantasma. Era tia Silena, que colocara um fim na confusão.

- Caramba! Já é a segunda vez que capturam um pokémon que eu queria. - Lamentou-se Matt, antes de correr para abraçar grovyle. - Meus parabéns, camarada! Evolução!

- Bem, poderia ter sido pior. Que emoção! Com certeza vocês serão ótimos treinadores, meninos. - Elogiou Silena, alegremente. - Esse gengar bagunçou e destruiu minha casa. Vai ser bom que me ajude a arrumar tudinho. Matt, algo me diz que ele não o obedeceria, por isso intervi. Tive que usar uma Ultra Ball que havia guardado para ocasiões assim.

- Não tem problema, tia. Ele é mesmo forte demais para mim... por enquanto! Qualquer dia desses eu volto para buscá-lo. Caso precise pra Liga. - Ele riu, coçando a cabeça.

- Ficaria muito feliz por enviá-lo para você, quando puder treiná-lo. - Garantiu. - Quanto a vocês dois, treinem bem seus gastly e haunter. Eles parecem ser bem fortes.

- Nós iremos, tia! - Candice, sorriu. - Peguei outro pokémon venenoso! Que alegria.

         Grimm não notara que gastly também era um tipo veneno, mas não se importava. Para ele, o mais importante era que agora, tinha o pokémon ideal para enfrentar um ginásio tipo pedra. Só precisaria treiná-lo o bastante para que se tornassem amigos até lá. A família estava sempre crescendo.

- Sabe, desde que nós o encontramos, não temos um só dia de paz! - Provocou Matt, brincalhão.

- Arrependido de ter se oferecido para ser meu amigo? - Indagou Jasper, rindo também. Candice estava de braços dados com ele, enquanto caminhavam de volta para a casa de tia Silena.

- É claro que não! Devíamos ter te conhecido antes!

          Todos riram bastante, enquanto nas ruas, as pessoas voltavam às suas vidas e à paz do sono tranquilo.


Link da Rota: Aqui.


Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Sex Ago 18, 2017 10:31 am

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

A história é legal e engraçada. Nada de muito para dizer, mas eu pessoalmente gostei das partes cômicas involvendo Matt. A batalha foi muito divertida de se ler e ao mesmo tempo um pouco confusa, porém achei que isso foi intencional visto que os fantasmas não paravam quietos. No geral, foi um ótimo texto.

Nota: Ótimo
Bônus: Ghastly foi capturado a nível 7 (+1 graças ao evento Reborn) com uma berry à escolha (entre em contacto comigo para inserí-la); Rockruff recebeu 9 níveis (+2 graças ao evento Reborn; +1 graças ao bônus de classe); Personagem recebeu 7 níveis (+2 graças ao evento Reborn; +1 graças ao bônus de classe).

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Dom Ago 27, 2017 11:53 pm


09 - Os contrabandistas.


Os pokémons resgatados!



   As crianças deixaram Petalburg para trás sob a luz de um sol que se anunciava timidamente, por trás de nuvens carregadas de chuva. Contudo, o tempo mantinha-se regular, enquanto eles finalmente ganhavama  trilha da Floresta de Petalburg, local naturalmente escolhido para os observadores de pokémons do tipo inseto, comuns na região. Contudo, algo pareceu muito estranho quando, ao caminharem, nenhum dos companheiros pareceu notar qualquer treinador tirando fotos ou correndo com suas redes e pokébolas. Simplesmente deserta, a floresta parecia ainda mais escura, e nem mesmo o som dos pokémons podia ser ouvido em lugar algum. Era como se, de uma única vez, todos tivessem fugido, desaparecido no ar. Em silêncio e unidos, caminharam durante um longo tempo, até que finalmente admitiram que estavam apavorados. Candice respirava de maneira um pouco mais rápida, enquanto Jasper fingia nada sentir e Matt gemia para quem quisesse ouvir. Um tanto incomodado com o desespero do amigo, Grimm apertou levemente sua torchic contra o corpo. Ela estava apreensiva, mas ainda parecia contente por estar fora da pokébola, passeando com seu treinador.

- Okay, acho que podemos concordar que esse lugar está dando arrepios. - Murmurou Candice. - Onde estão os treinadores? Por que ninguém veio para cá quando saímos da cidade?

- Eu não sei, mas estou quase dando meia volta. - Matt resmungou, nervoso.

- Eu já caminhei por aqui quando mais novo, e nunca vi esse lugar assim. - Anuiu Grimm, quando finalmente alcançaram o que parecia algum tipo de monte, que descia num pier até uma praia, onde uma enorme cabana estava localizada. Ali no alto, para a surpresa deles, haviam dois agentes da Polícia Pokémon. Mais surpreso ainda Grimm ficou, quando reconheceu seu pai, Maximus. - Papai?! O que faz aqui?

      Maximus olhou por cima do ombro para Jasper, e seus olhos arregalaram. Ao lado de uma oficial Jane, ele adiantou-se para alcançar seu filho, correndo sem fazer barulho. Ao seu lado, o grande arcanine da família parecia sorrir com os olhos, e avançou sobre Jasper assim que o viu. O rapaz caiu no chão, praticamente jogando torchic para o alto, no tombo. Maximus a apanhou no colo, sorrindo ao ver a cena. Perplexos, Candice e Matt admiraram-se ao verem a semelhança entre os dois, e rapidamente sorriram ao entender o ocorrido. Mesmo a oficial Jane parecia satisfeita.

- Um torchic? Ótima escolha. Como um treinador de pokémons tipo fogo, posso dizer que este é especial. - O pai de Grimm era um treinador muito forte em sua época de juventude, e ficou razoavelmente conhecido pelas pessoas de Hoenn, até virar um dos melhores agentes policiais da região, dando entrevistas e aparecendo na mídia com frequência, representando a Justiça. - Treinem duro antes de começarem a enfrentar os líderes de ginásio. Eles são muito fortes, e não devem ser subestimados. Mas afinal, agora que parei para pensar, o que fazem aqui? Deviam ter ficado treinando na cidade, crianças.

- Pessoal, este é meu pai Maximus e a policial Jane de Sootopolis. - Matt apertou a mão dos dois, parecendo encantado pela agente, que permanecia sob o olhar atento de seu wartortle. - Papai, por que ninguém está na floresta?

- Há uma organização criminosa capturando e vendendo pokémons nesta região de forma ilegal. Eles vieram de Kanto, e acredita-se que estejam testando o terreno em Hoenn. Seguimos uma embarcação até o píer de Mr. Briney. Ao que parecem, o senhor e seu wingull foram sequestrados pelos bandidos. - Candice cobriu a boca com a mão. - Sim, e os treinadores foram retirados da flroesta para que não fossem expostos ao perigo. Não viram os cartazes avisando que esta trilha ficaria interditada por hoje?

- Não, sr. Grimm. Estávamos na casa da minha tia, e ela acabou de se mudar. - Explicou Matt. - Ela também não fazia ideia de que era perigoso, ou então não teria permitido que viéssemos. - Ele parecia preocupado. - Acha melhor voltarmos?

- Agora que estão aqui, tentem não se meter em confusão. Talvez a ajuda de vocês seja útil. Quando eu e Jane invadirmos o píer, ajudem os reféns humanos e pokémon a chegarem num local seguro. - Pediu Maximus, sorrindo. - Vamos ver o quão legais seus pokémons são, filho!

- Se ficarem com medo ou acharem que algo deu errado, fujam. Não tentem ser heróis, crianças! - Pediu Jane, seguindo Maximus enquanto os dois correram para a colina do píer. Os dois deslizaram até lá embaixo na areia, e as crianças correram para observá-los.

      Jane e Maximus corriam juntos como verdadeiros guerreiros, e ao ver seu pai em ação pela primeira vez, Jasper sentiu-se estranhamente animado e orgulhoso. Seu pai ajudava pessoas e pokémons todos os dias. Não era essa a maior honra que um amante de pokémons poderia ter? Ele não era pior do que um Mestre ou Campeão da Liga de Hoenn, ao contrário. Era um homem especial, assim como sua mãe. Não entendia os motivos para que os dois tivessem se separado há dois anos, mas nenhum dos dois parecia ter outra pessoa. Talvez um dia, tivessem chances de estarem juntos de novo. Jane deu uma ordem, e wartortle usou o rapid spin, girando em seu casco contra a parede de madeira da cabana, destruindo-a. Fumaça subiu com um grande estrondo, e dois homens apareceram, assustados diante da ação policial. Jaulas com pokémons estavam expostas, bem como um grande aquário contendo criaturas aquáticas com aparência desolada. Raptados de seu habitat natural, desiludidos com a maldade dos humanos. Um senhor idoso estava amarrado e amordaçado, seu wingull também preso, atado em seu colo. Ao lado dele, dois treinadores de pokémons insetos, provavelmente mais jovens que Grimm e seus amigos, também presos. A oficial Jane iniciou a batalha quando os dois brutamontes lançaram seus pokémons. Um grande Nidoking e uma Rapidash. Realmente pokémons de Kanto. Empolgado, Grimm interrompeu sua observação quando ouviu um barulho próximo.

     As crianças se viraram e viram uma mulher idosa, aparentemente muito rica, surgir. Ela usava um enorme casaco negro, com um cachecol roxo. Uma bengala de prata bem firme apoiava seu corpo. O topo do utensílio marcado pela figura oval de um electrode. Ela não parecia satisfeita em vê-los, e mesmo que fosse uma senhora, não parecia nada indefesa ou amigável.

 - O que fazem aqui, crianças intrometidas? Não deviam ver o que não devem. - Ela olhou para a fumaça que subia. - Trabalhando com a polícia, han? Então são adultos, respeitáveis treinadores! Não vão chorar quando eu tirar seus pokémons, ou vão?

- Você pode tentar, sua velha carcomida! - Gritou Candice, puxando sua pokébola.

- Tá maluca? Como sai chamando uma bruxa dessas de velha, assim na cara?! - Horrorizado de medo, Matt exclamou.

- QUEM ESTÃO CHAMANDO DE VELHA E BRUXA? Pestes! Vá, Venusaur! Vá, Hypno!

    Os dois pokémons surgiram. Então Grimm percebeu o nível de perigo daquela mulher. Ela era bem mais perigosa do que eles imaginavam. Talvez estivessem se metendo com alguém além do nível deles. Mas naquela hora, não tinham escolha. Era lutar ou lutar.

X Captura Pokémon X

   Os pokémos da mulher misteriosa assumiram posição, e as expressões deles eram quase tão maldosas quanto as dela. Grimm refletiu sobre os ensinamentos da Escola Pokémon e teve de concordar. Os pokémon sempre ficavam parecidos com seus treinadores, de um jeito ou de outro. Mas os pokémon não eram maus. Apenas os humanos, que os forçavam a fazerem coisas ruins. Aquilo não era jeito de treiná-los. Forçando-os a capturarem sua própria espécie. Ele trocou um breve olhar com Matt e Candice, e os três agiram ao mesmo tempo.

- Torchic, beedrill, rockruff, gastly! - Grimm soltou todos os seus pokémon. Não correria nenhum risco com aquela mulher.

- Grovyle, spearow! - As pokébolas de Matt também voaram.

- Seviper, dustox, haunter! - Os pokémon de Candice também assumiram posição.

- Hahaha, então decidiram vencer pelos números? Saibam que nem mesmo o dobro destes pokémons fracotes poderia me derrotar. - A mulher riu, tirando mais pokébolas de sua bolsa. - Electabuzz, Machamp! Ataquem! Hypno, psychic contra o gastly e o haunter, Electabuzz, thunder punch no spearow, Machamp, Dinamyc Punch no Grovyle! Venusaur, Sludge Bomb e Leaf Storm em qualquer um que se aproximar!

- Dustox, use signal beam contra o hypno! Haunter, evasiva! Seviper, poison tail contra o Machamp!

- Grovyle, Leaf Blade! Pule e acerte o Electabuzz! Spearow, use Peck contra o Machamp!

- Torchic, flamethrower no venusaur! Rockruff, use bite! Beedrill, cubra dustoz e trabalhe em conjunto para acertar  um fell stinger quando o Hypno estiver distraído! Gastly, desapareça e use shadow ball contra o venusaur!

    Os pokémons se moveram depressa e de maneira caótica. O topo da colina tornou-se um espetáculo de luzes e sons. Explosões encheram o ar, ainda mais altas do que as ouvidas lá embaixo, quando as criaturas poderosas daquela mulher idosa atingiram os pokémons em treinamento das crianças, que não tinham como estarem preparadas para aquelas criaturas de alto nível, da região de Kanto. Hypno atingiu haunter antes mesmo que ele pudesse se mover. O golpe psíquico foi efetivo contra o pokémon venenoso, e sua carga total fez com que ele caísse imediatamente fora de combate. Ele virou-se para atingir gastly, mas os pokémons inseto surgiram ao seu redor, envolvenvo-o como um enxame zumbindo. Dustox atirou-se para atingi-lo com seu raio, mas Hypno desviou ao ouvir um grito que ordenava a evasiva. Mas ele não foi rápido o bastante para o ferrão de beedrill. Furioso, o pokémon mais agressivo de Grimm conseguiu atingir seu adversário várias vezes pelas costas. Aproveitando a chance, Candice gritou para que dustox repetisse seu golpe, e os movimentos tipo inseto rapidamente derrubaram o pokémon psíquico.

    A batalha em outro foco parecia um tanto diferente. Enorme e intimidador, venusaur parecia incomodado com as investidas de torchic e rockruff. Grimm observava a tudo atento, enquanto seu adversário invocada nuvem após nuvem de folhas afiadas. Os seus pokémons recuavam rapidamente, mas não conseguiam provocar dano algum. Foi quando gastly surgiu atrás de venusaur e o atingiu com uma shadow ball. O grande monstro verde guinchou, mas sua dona foi irredutível. Ela não se preocupava com a dor dele. Ordenou que mirasse em rockruff, ao invés de virar-se para o inimigo que podia acertá-lo abertamente. Enquanto sentia o golpe de rockruff, que o mordera violentamente, venusaur envolveu o pokémon de Grimm numa leaf storm que o incapacitou de imediato. O movimento tipo grama foi efetivo, e Grimm teve que chamar seu pokémon de volta, enquanto Candice fazia o mesmo.

   Matt enfrentava dificuldades imediatas. Spearow voou sobre machamp no momento em que este segurava a cauda de seviper, evitando o seu golpe venenoso. Seu peck atingiu o pokémon lutador, que urrou de dor. Ele contudo acertou um dynamic punch em grovyle assim que este tentou alcançar electabuzz. O pokémon de Matt caiu fora de si, enquanto machamp recebia o impacto de outro peck. Spearow não conseguiu completar seu terceiro movimento, pois electabuzz o surpreendeu, tirando-o de cena com um único golpe. Matt pareceu assustado ao chamar seus pokémons de volta, certamente estava nervoso por não poder fazer mais nada a partir daquele momento.

- Há! Um já foi! Seus tolos, deviam ter fugido quando tiveram a chance. - A velha chamou seu hypno de volta, com uma risada. Em sua frente, os seus pokémons reagruparam. Machamp, electabuzz e venusaur. Em resposta, os pokémons de Candice e Grimm fizeram o mesmo. Beedrill, dustox, torchic, gastly e seviper. - Vocês ainda possuem o maior número, mas eu prometo que não será por muito tempo. Machamp! Use dynamic punch neste minúsculo torchic, e mantenha-o longe de venusaur. Electabuzz, frite esses insetos com seu thunderbolt! Venusaur, use solar beam contra seviper, e petal dance contra todos eles!

- Sem chance! Grimm, esse movimento é muito perigoso! Dustox, use psybeam no venusaur! Seviper, proteja-o e garanta que consiga acertá-lo. Acerte qualquer um que tentar atingi-lo com seu poison fang! - Candice olhou para Grimm, sabendo que ele havia compreendido seus planos.

- Ajude aos dois, beedrill! Use pin missile! Gastly, vá direto até machamp, e use hypnosis! Torchic, acerte Electabuzz com seu flamethrower!

      Venusaur lançou sua enorme nuvem de pétalas, que foi parcialmente bloqueada pela chuva de espinhos de beedrill, que autorizou uma infiltração rápida de dustox. O raio psíquico atingiu, mas não foi o bastante para derrubar o pokémon evoluído. Seviper também acertou, mas seu golpe venenoso pareceu ainda menos útil. Foi quando um raio atingiu beedrill em cheio, derrubando-o no chão. Electabuzz acertou o golpe, e já iria usá-lo outra vez, quando o fogo de torchic o acertou, irritando-o e ferindo. Machamp tentou acertar o pequeno pássaro, mas gastly surgiu bem à sua frente, e usou a hipnose. O lutador dormiu, caindo na mesma hora. Infelizmente isto colocou gastly entre machamp e electabuzz. O pokémon fantasma foi então atingido por uma força de eletricidade profunda, que o deixou fora de combate. Grimm chamou gastly de volta, assim como beedrill. A velha chamou seu machamp, enfurecida. Venusaur estava ferido, e encarava dustox. Electabuzz via-se cara a cara com uma pequena torchic, que valente, não fora atingida por um único golpe na batalha.

- Essa coisinha miúda não vai conseguir vencer meu pokémon. Vocês não têm chance, para ser sincera. Nunca tiveram! Electabuzz, use shock wave nos dois! Venusaur, é hora da mega evolução! - Perversa, a velha abriu o topo de sua bengala. Uma venusarite brilhava em púrpura, uma poderosa energia emanando. O venusaur rugiu, e Grimm estremeceu ao lado de Candice, os dois ombro a ombro enquanto defendiam Matt. As crianças estavam apavoradas com o que viam.

       Um enorme mega venusaur surgiu. Seus olhos ardiam e o envolviam numa névoa roxa, terrivelmente errada. Não parecia o brilho de uma mega evolução verdadeira. Mas algo corrupto, maligno. Uma força que não fazia parte da natureza. Chocados, os meninos viram quando um novo petal dance mandou para o alto o electabuzz da senhora, bem como torchic. O poderoso golpe atingiu aos dois, seguido de um vine whip que os atingiu sem misericórdia. Os dois pokémons, aliado e adversário, desmaiaram ao mesmo tempo. Sem obdecer ordens e rugindo violentamente, ele voltou-se para dustox, atingindo-o com um raio solar que levou pouquíssimos instantes para carregar. Um vento terrível ergueu poeira, fazendo as crianças cobrirem o rosto para enxergar. Mega venusaur não parecia pronto para encerrar a luta, querendo atingir os adversários e seu aliado, mesmo caídos. Apavorado que algo acontecesse à sua torchic, Grimm a chamou de volta imediatamente, assim como Candice. Mas o venusaur voltou-se para eles, berrando.

          Foi quando um forte flamethrower surgiu, e Maximus apareceu montado em seu Arcanine enorme, circundando o mega venusaur enquanto o atacava. Vento atingiu as crianças, quando Jane surgiu com um pidgeot de tamanho assustador, e os três agarraram-se na criatura, que usou o fly para levá-los para longe. Uma enorme explosão se seguiu, e a mulher foi cercada por agentes vestidos de negro, provavelmente seus lacaios. Eles a levaram em um carro semelhante à um jipe, enquanto ela recolhia seu venusaur. Maximus observou a fuga deles, bravíssimo. Ele sabia que por pouco seu filho e os amigos haviam escapado de um acontecimento traumático.


X Fim da Batalha X

   
       No Centro Pokémon, as crianças foram parabenizadas pela comunidade de Petalburg e pelos jornalistas que visitavam o local para entrevistar o Oficial Maximus e seu filho, bem como os amigos do rapaz e a corajosa oficial Jane que salvara a todos. O trio respondeu ao máximo de perguntas possível, sorriram para as fotos com as autoridades e foram parabenizados pelo prefeito e os comerciantes da região. Sem falar no passe-livre recebidos de capitão Briney, com autorização para pegarem seu barco sempre que precisassem navegar. Honrados e um tanto envergonhados, tudo o que mais alegrou aos meninos foi receber de volta as pokébolas com seus amigos recuperados. Matt emocinou-se tanto, que acabou abraçando à Enfermeira Joy de Petalburg, quando a viu.

- Vocês são os heróis de hoje! Não se preocupem em agradecer. Seus pokémons foram incríveis. - Joy garantiu, ao lado de Maximus. - Mas o oficial deseja contar algo a vocês. Diga-lhes, oficial!

- A cidade de Petalburg deseja agradecer pelos seus esforços. Então, decidimos permitir que adotem os pokémons resgatados do píer, aqueles que a Organização Céu não conseguiu contrabandear. O que dizem? A maioria é filhote e jovem, não conseguiria viver sozinha na vida selvagem. Os que eram adultos e aptos já foram devolvidos. Acham que conseguem lidar com a situação? Seria bastante nobre. - Garantiu Maximus, olhando Jasper profundamente.

- É claro! Topamos sim! - Garantiu Matt, animado. - Finalmente vou conseguir pokémons novos! - Rindo, Candice e Grimm o seguiram correndo, até o laboratório onde estavam as pokébolas resgatadas. Havia uma pequena ficha com o nome de cada pokémon e seu tipo. Os três caminharam juntos entre as cinco pokébolas, observando. - Eu quero esse! E esse! Um houndour! E um horsea!

- Eu não achei que fosse ter um tipo venenoso aqui, mas olha Grimm. - Candice mostrou, apontando uma das pokébolas. - Se importa se eu ficar com esse? É um pokémon de Alola.

- Tudo bem, a mareanie é sua. Eu já tinha escolhido os outros dois, mesmo. - Grimm olhou para o pai, pegando as pokébolas sobre a encubadora. - Um mantyke macho, e uma cherubi fêmea. São bem o que eu precisava no meu time agora.

 - Você formou um time versátil, filho. Caso capture mais algum pokémon, lembre-se de revesá-los para que todos sintam-se queridos e estejam no mesmo nível. Você vai precisar de muitas opções para a Liga. Você também, jovem Matt. - Matt concordou, sorrindo. - Vou deixá-los agora. Descansem e conheçam seus novos pokémons. Ainda terão de dar mais uma entrevista sobre os criminosos, antes de partir.

      Maximus partiu, deixando os meninos com sua snovas pokébolas nas mãos. Tinham novos amigos, que precisariam proteger e treinar. Mas precisavam de algum descanso, e deixariam os pokémons descansarem também. Depois do estresse e truama de serem prisioneiros em condições degradantes, era o mínimo que mereciam.


Link da Rota: Aqui.
OBS: Se possível, gostaria de colocar minha Alolan Vulpix no PC, pois na Jornada o Grimm ainda não a encontrou. No caso, o time seria composto pelos pokémons atuais, mais o mantyke e a cherubi, por enquanto.

Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Ter Ago 29, 2017 11:19 am

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

A história foi bem emocionante e conseguiu transmitir bem o ambiente das redondezas, especialmente na floresta, assim como as reações dos personagens. Você consegue tornar uma batalha caótica em algo épico de ler, o que não é fácil. No geral, foi um ótimo texto com escrita polida. Fiquei, no entanto, na dúvida sobre quais pokémon deveriam receber a experiência, então decidi dar a Beedrill e a Gastly, pois me pareceram ter feito maior impacto no combate. Caso esteja contra, faça o favor de me contactar.

Nota: Ótimo
Bônus: Mantyke foi capturado a nível 7 (+1 graças ao evento Reborn) com uma berry à escolha (entre em contacto comigo para inserí-la); Cherubi foi capturada a nível 7 (+1 graças ao evento Reborn) com uma berry à escolha (entre em contacto comigo para inserí-la); Beedrill recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn); Gastly recebeu 3 níveis (+1 graças ao evento Reborn); Personagem recebeu 6 níveis (+2 graças ao evento Reborn).

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Grimm em Sex Set 08, 2017 3:50 am


10 - Rutsboro!


Depois da tempestade.



Os jovens estavam fazendo o desjejum no Centro Pokémon de Rustboro, quando finalmente conseguiram parar para respirar. Ao chegarem na cidade acompanhados por Maximus e pela Oficial Jane, todos sabiam exatamente o que havia ocorrido nas florestas de Petalburg, e quão perigoso havia sido enfrentar uma organização criminosa com apenas catorze e treze anos. É claro que os próprios não poderiam processar a profundidade daquele encontro, quando ainda eram tão inexperientes. Foi só quando viram-se sozinhos, que finalmente conseguiram desabafar.

- Fomos destruídos por aquela velha, e nem sabemos quem ela é. Só o que mencionou da tal Organização Céu. Será que tem algo a ver com os Team Aqua e Magma? - Candye parecia nervosa, e um tanto desmotivada. - Fomos derrubados muito fácil lá atrás. Nos tratam como heróis, mas não tínhamos chance sem o seu pai, Grimm. Agimos como crianças bobas.

- Não foi bobeira, mana. Nós ajudamos a salvar aqueles pokémon. E as pessoas. É verdade, não vencemos a inimiga. Mas seguramos alguém que tinha um mega Venusaur! Nossos pokémons são todos de baixo nível evolutivo! Foi um treinamento e tanto para eles. - Matt estava empolgado. - Sem falar nos nossos novos amigos. Tipo meu horsea, ou meu houndour. Você nunca encontraria uma mareanie nessa região, não fosse a luta.

- Não acho que essa Organização Céu tenha algo a ver com as antigas equipes criminosas de Hoenn. Não. Eles são globais demais. Aquela mulher não esperava ser confrontada, pareceu surpresa quando nos viu. - Grimm lembrava da expressão da mulher, da forma como ela parecia levemente chocada. - Tem um traidor entre eles, passando informações pra polícia. E agora que nossos rostos estão na TV, não vai demorar até que tenhamos notícias dessa gente de novo. - Grimm curvou-se sobre a mesa, pensativo. - Temos que treinar, ficar fortes. Por falar nisso, Matt, a Roxanne espera pelo nosso desafio!

- Bem parceiro, eu vou treinar com meus amigos. Sugiro que faça o mesmo. Como os dois vão desafiar a mesma pessoa, talvez seja melhor se não vermos o outros ensaiando. Candice, o que pretende fazer?- volveu Matt, empolgado.

- Primeiro, criticar os dois por se comportarem dessa forma. Deviam ajudar um ao outro, isso sim. Mas, como uma futura criadora de pokémons venenosos, vou cuidar das minhas crianças. Comprar uns antídotos caso um deles acabe me machucando por acidente, e depois limpar e alimentar todos. Podem deixar comigo algumas pokébolas que não pretendem usar. E eu trato deles também. - Grimm passou a pokébola de beedrill e cherubi para Candice, enquanto Matt entregou-lhe spearow. - Bom rapazes, vejo vocês depois.

- Até o fim do dia, Candye. - Matt e Grim se despediram da garota. - Parceiro, nos vemos mais tarde! Boa sorte. - Matt apertou a mão de Jasper, partindo em seguida.

Vendo-se sozinho na cidade que mal conhecia, Jasper decidiu correr de volta para a entrada da cidade, onde a floresta de Petalburg encontrava o abafado e movimentado ambiente. Com leves gestos, deixou torchic, mantyke, rockruff e gastly saírem. Precisava decidir quais dos quatro usaria em seu desafio. Mantyke era jovem e mal conhecia Grimm. Em seu colo, ele dormia mais do que qualquer outra coisa. Retornando-o para a pokébola, soube que não poderia contar com seu tipo para ter alguma chance. Precisaria de Gastly, capaz de evitar os golpes físicos, e de rockruff, que podia resistir aos movimentos tipo pedra, por também ser capaz de dominá-los. Só restava torchic, com a qual teria um grande problema.

- E aí, amigona. Tenho notícias. Precisamos te fazer evoluir. - Torchic piou, fitando-o de lado. Ela parecia curiosa. - Quando se tornar uma combusken, vai poder usar seus movimentos lutadores para me ajudar a vencer essa luta contra a Roxanne. Sei que é muita pressão, mas acho que se não puder contar com você, não terei chance. Precisamos treinar!

- Chic, chi. - Torchic apenas concordou, saltitando.

- Okay, perfeito! Gastly, também preciso de você mais forte para suportar nossa batalha. Vou parear os dois num treinamento coletivo. O que me dizem? Rockruff, deixa seus amigos lutarem essa? - Ele fez que sim, deitando-se para lamber o próprio pelo. - Ótimo. Pode ficar aí e assistir. Você será nosso juiz. - Rockruff latiu/bradou com animação, enquanto Grimm caminhava para o campo aberto com torchic e gastly.

Algumas pessoas transitavam no caminho para entrar e deixar a cidade. Com o sol começando a se insinuar sobre o campo, desenhando pequenas sombras sob a ventania da tarde que se aproximava, Jasper Grimm preparou-se para um grande treinamento. Pediu que gastly fosse para o outro lado do campo, enquanto torchic saltitava de ansiedade, querendo batalhar para evoluir, motivada pelo novo objetivo. Todo o clima disperçou-se, quando algo semelhante à uma chama azul passou direto por Grimm. Confuso, ele olhou em volta, pensando ser este o reflexo de outro treinador. Mas rockruff parecia ter planos mais imediatos. Disparando numa carreira para agarrar o foguinho azul com os dentes (como se tal coisa fosse possível), ele passou entre as pernas de Jasper, deixando-o apavorado. Treinador e pokémons dispararam juntos, tentando alcançar e proteger o amigo que sumia entre a copa das árvores.

Foram parar no meio do nada, onde a grama terminava em um barranco, de onde era possível ver um riacho farto correndo por sobre as pedras. A pequena chama estava flutuando sobre a água, o que rapidamente fez rockruff mudar de ideia sobre apanhá-la. O problema é que o pequeno cãozinho pokémon desceu rápido demais a ladeira e estava prestes a despencar no barranco, caindo no meio d’água. Grimm sabia que o pobrezinho tinha sérias reservas e traumas sobre aquela situação, então correu como louco tentando apanhá-lo antes. Conseguiu o feito, deslizando com as costas sobre a grama úmida e amparando-o antes da queda. O problema, é claro, era que Grimm começou a despencar por si mesmo, caindo e escorregando enquanto tentava levantar-se outra vez. Foi parar no meio da parte mais rasa do riacho, onde acabou caindo sentado sobre uma daquelas pedras lisas, capazes de fazer a pessoa tropeçar ou ferir-se seriamente. Uma pequena risada travessa encheu o local, e a pequena chama azul revelou-se por completo. Era um litwick! Jasper conhecia a criaturinha ao assistir torneios e competições pokémon pela TV e nos cursos da Escola Pokémon, mas ver um de perto era bem interessante. Sempre teve interesse pelos pokémons fantasmas, principalmente por aqueles que eram incomuns, e exóticos. Além disso, era difícil encontrar um pokémon tipo fogo em Hoenn, especialmente um que não pertencia naturalmente àquela região, como aquele animalzinho.

- Hey, seu danado! Você vive aqui nesse bosque? Por algum acaso sabia que é feio provocar a queda dos outros? Eu poderia ter me ferido seriamente. - Reclamou, emburrado como um idoso de setenta anos. Grimm sempre tivera o fardo de parecer mais velho do que era. Era um tanto rabugento, também. Litwick apenas riu, divertindo-se com aquela situação. Grimm sentiu-se provocado e desafiado, bufando no meio da água. Observando-o da margem, torchic parecia irritada com o novo pokémon, mas cautelosa para não se molhar, assim como rockruff. Por fim gastly voou para perto de seu treinador, circulando litwick por breves momentos. Os dois resmungaram juntos, e então começaram a rir de uma só vez. Chocado Grimm fez força para se levantar. - Ei, vocês! Parem de rir da minha cara. Gastly, você pregou peças antes de eu capturá-lo também. Todos vocês são assim? - Gastly botou a língua para fora e fez que sim, fazendo litwick rir. - ORA ESSA, PARE DE RIR! - Reclamou Grimm, desmoralizado. - Sou um péssimo treinador, mesmo... - Gastly viu que ele parecia chateado e aproximou-se, sorrindo com as presas de fora. - O que é? O que quer me mostrar?

- Gas, Gastly. Gastly, Gas! - Ele circundou Grimm, mostrando um pokémon à margem do riacho, que seu treinador não notara. Ele parecia pedir desculpas em silêncio, mas era enfático no que tentava demonstrar. Aproximando-se do local, Grimm foi acompanhado pelo Litwick selvagem, que parecia ansioso. - Gaaaaastly, Gas! - Gastly chegou bem perto do pokémon que cochilava, e Jasper notou que era nada menos que um pequeno Ralts bebê, que cochilava num sono febril. Parecia doente, e tremia levemente.

- Ora, por essa eu não esperava... Então você estava protegendo o Ralts, não é mesmo, Litwick? Não estava tentando me fazer cair, mas me trazer até ele! - Gastly fez que sim, acompanhado por seu novo amigo. - Bem, você é um pokémon muito gentil. Gostaria de vir com a gente? Posso batalhar com você, para provar que eu e o gastly seremos bons amigos. E assim que eu tiver uma chance de treiná-lo, teremos muitas aventuras. Até lá, vou te deixar em casa para cuidar da minha mãe. O que me diz? - Litwick parecia feliz, mas fez uma cara preocupada, aproximando-se de Ralts. - Ah, não tem problema. Eu capturo o Ralts também, e levo ele pro Centro Pokémon. Depois, podemos encontrar um dono bem legal pra ele. Veja. - Grimm pegou uma pokébola, e disparou sobre Ralts. O pequeno pokémon sequer fez a pokébola tremer, tão cansado estava. Capturando-o com facilidade, Grimm tomou a pokébola entre as mãos. - Pronto, ele está seguro. Podemos lutar agora? - Litwick flutou rapidamente, empolgado. - Ótimo! Pessoal, torçam por mim. - Torchic e rockruff apenas fizeram barulho, ansiosos. - Gastly, eu escolho você!


XTreinamento de Gastly / Captura Pokémon (Para litwick e staryu)X

Jasper estava de pé sobre o riacho, suas pernas mergulhadas em água até a canela. Gastly pairava acima de sua cabeça, enquanto litwick o mirava com cautela, do outro lado. Enquanto eles se preparavam para a batalha, os pokémons de Grimm assistiam lado a lado, sentados na grama e observando. A batalha começou antes que fosse notada, com litwick lançando um smog que atingiu gastly em cheio. Apesar de levemente ferido, Grimm sabia que seu pokémon não podia ser envenenado pelo golpe, pois também era venenoso. Mas aquilo fez seu parceiro deixar de moleza e envolver-se na luta. Antes, gastly parecia estar apenas brincando. Naquele momento, contudo, preparou-se para o ataque.

- Vamos lá, gastly! Hora de reagir. Use shadow ball para revidar, e voe para evitar um contragolpe. Em seguida, quero que você invista contra ele o mais rápido que puder, com um sucker punch super efetivo! - Gastly lançou a esfera de energia fantasmagórica, que litwick conseguiu evitar ao usar o mesmo golpe, que explodiu em contato com o outro. Os dois voaram circundando-se, tentando encontrar a chance perfeita para acertar o movimento. Gastly por fim, investiu apenas para ser rechaçado com um movimento de fogo inesperado. Combustão explodiu ao redor de litwick, acertando em cheio seu adversário, mandando gastly rodopiando pelo ar até estar próximo de Grimm.

- Litwick, wick! - Litwick estava rindo outra vez, flutuando de modo provocativo. O deboche tornou-se outro ataque, quando ele começou a enviar um fire spin, que já materializava ao seu redor.

- Gaaaaaastlyyyy! - Gastly não esperou o comando de Grimm, revoltado. Ele lançou-se contra seu adversário, um pulso de energia negra formando-se à frente de sua boca. Raios obscuros se formaram, e o treinador reconheceu enfim o dark pulse.

- Gastly, mire o dark pulse nas pedra embaixo dele! - Gastly virou a boca para baixo bem na hora em que a energia das trevas disparou, estourando as pedras abaixo de litwick. A água do riacho se ergueu, formando por um breve período uma parede de água. Empolgado, Grimm imaginou que aquilo seria bem julgado, em um festival ou show de coordenação. - Agora, parceiro! Outro dark pulse!

A segunda onda de energia atravessou a enorme quantidade de água que caía de volta no riacho, atingindo em cheio litwick, que guinchou. O pokémon tipo fantasma não resistiu ao poderoso movimento tipo escuridão, ficando fora de combate. Grimm lançou uma pokébola, antes que perdesse outra chance. Litwick foi capturado, e gastly comemorou bem mais que seu treinador. Rindo, o rapaz recolheu a pokébola de seu novo amigo, e começou o longo processo de arrastar-se para fora do barranco.

Estava todo sujo de lama, quando passou pela porta do Centro Pokémon. Dirigindo-se à Enfermeira Joy, entregou-lhe as pokébolas de ralts, litwick e gastly, para que ela pudesse curá-los. Agradecendo, subiu até o andar onde haviam os dormitórios para os treinadores pokémon, e tomou um banho, vestindo roupas novas. Estava descendo novamente para pegar de volta seus pokémons, quando sentiu um cheiro de perfume doce e caro familiar. Os cabelos cor de rosa surgiram logo depois, bem como a bolsa de grife com alças de correntes douradas. Layla.

- Grimm! Olha só pra você! Parece bem. Soube que enfrentou uns criminosos na florestas de Petalburg. É uma pena que eu já estivesse aqui em Rutsboro. Os oficiais não deixaram ninguém pegar a estrada de volta para as florestas. - Ela parecia preocupada de verdade, até genuinamente legal. Pelo menos naquela hora parecia esquecer que Grimm rejeitara, seu pedido de namoro, na Escola Pokémon. - Fico feliz que esteja bem. Vi seus amigos na TV. Quem é a garota que anda com você? Namorada? - Layla parecia estar controlando-se para soar naturalmente.

- Layla, eu nem penso sobre namoros. Candice é irmã do Matt, o outro treinador que está desafiando os ginásios como nós. Ela é uma treinadora monotipo, de pokémons venenosos - Explicou, entediado. - Como tem passado? Já enfrentou Roxanne?

- Digamos que foi um sucesso! Olha. - Layla mexeu na bolsa, retirando a insígnia de pedra e mostrando suas pontas triangulares. - Ah, Grimm! Tenho algo pra você!

- Para mim? - Grimm ainda estava impressionado com a insígnia de Layla. O que mais ela poderia fazer para deixá-lo pasmo? - Não entendo.

- Bem, não é como se eu fosse te dar algo de graça, afinal jurei te derrotar e mostrar que sou a garota mais magnífica que você já conheceu, mas eu estive pescando com um velhinho em Oldale Town, logo depois que um caduco tentou me empurrar um rockruff. Capturei alguns pokémons aquáticos, incluindo uma staryu! Seu pokémon favorito! Lembra do seu trabalho escolar, quando tivemos que escolher nosso pokémon favorito no mundo?

- Sim, eu lembro. Falei sobre a pedra central delas, que permite a regeneração. Mas o que tem isso? - Grimm estava rezando para que ela decidisse fazer uma troca, mas não queria dar o braço a torcer. - E quantos pokémons já capturou? - Estava curioso sobre isto também.

- Mais de vinte, certeza! Se você tiver algum que eu não possua, podemos fazer a troca no andar de baixo. Meu time está completo, mas queria muito ter mais opções. Também tenho um piplup bebê, se quiser adotá-lo. Aceito um outro pokémon. Não tenho condições de treiná-lo, é um covarde.- Layla estava animadíssima, como se ela tivesse exagerado na pesca justamente para capturar o pokémon que Grimm queria. Ele suspeitava de que ela tivesse capturado um staryu apenas para ganhar pontos com ele, embora estivesse tentando evitar pensar daquele modo, para não soar convencido. Podia afinal, ser apenas uma coincidência.

- Ele não é um bebê? Precisa ter paciência com o pobre piplup. Pokémons iniciais são raríssimos. - Layla assentiu, como se justamente este fosse o problema. - Mas o que estou dizendo, não é? A rainha da impaciência, hehe. Eu resgatei um ralts. Ele também é jovem e estava doente. Mas é um tipo fada.

- Eu quero! Vou ter uma Gardevoir! E nós dois sabemos que nunca liguei para a raridade dos pokémons. Prefiro o poder que eles podem ter no futuro. E uma gardevoir me será bem mais útil que um empoleon gorducho. - Grimm revirou os olhos, concordando. Ao menos conseguiria sua staryu.

Minutos mais tarde, os dois usaram as máquinas do Centro Pokémon para trocarem as pokébolas de Ralts e Staryu. Depois, Grimm abriu mão de mantyke, alertando Layla para que o enviasse para o laboratório, onde seria bem tratado, já que ela não tinha paciência para treiná-lo enquanto fosse jovem. Eles trocaram as pokébolas de mantyke e piplup logo depois. Layla então liberou Ralts e decidiu incluí-lo em seu time. Avisou a Grimm que iria almoçar e retirou-se. Ele também redefiniu seu grupo de companheiros. Manteve torchic, gastly, beedrill e rockruff. Mas enviou cherubi e litwick para sua mãe. Piplup e Staryu entraram no time, completando o número de seis pokémons. Sabia que staryu seria útil contra Roxanne. Só precisava treiná-lo. Aproveitaria a presença de Layla para fazê-lo, antes que ela partisse para a próxima cidade. Ela não perderia a chance de vencê-lo outra vez. Mas nesta oportunidade, ele pretendia mostrar que era bem melhor do que na primeira vez em que haviam enfrentado um ao outro. Estava ansioso para contar a novidade aos seus amigos, mas especialmente, para conhecer seus novos pokémons. Estava satisfeito, afinal, com o rumo de seus objetivos. Conseguiria aquela insígnia bem mais rapidamente, agora. Tinha plena certeza disto.


Link da Rota: Aqui.
OBS: Vou mandar o litwick pro PC, mas o staryu pro time, no lugar da cherubi. Ela, claro, vai pro PC também. E as berries podem ser pecha e oran mesmo, nesses de agora. Na combinação que preferir. Acho que a staryu não conta como uma troca pokémon, porque ela saiu na Rota do dia 08/09 pra mim, e o Ralts foi só um recurso narrativo pra explicar a aparição do litwick. Mas se o avaliador achar que deve valer como Troca NPC, tudo bem, também.

Made by Alex
avatar
Grimm
Treinador
Treinador

Masculino Mensagens : 102
Pontos : 114
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/08/2017
Localização : Hoenn Region
Nível de personagem : 47

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Cueio em Sex Set 08, 2017 9:16 pm

Saudações, irei agora avaliar a sua jornada. :cueio:

Mais um ótimo texto! Não há nada de mais que eu queira dizer sem ser o mesmo de sempre, embora gostei em especial quando usou a água durante a batalha e por ter trazido um personagem mais antigo. Enfim, houve duas capturas e numa delas participou o Gastly, então vou fazê-lo receber os níveis provenientes da outra captura. Obviamente, caso haja algum problema fale comigo.

Nota: Ótimo
Bônus: Litwick foi capturado a nível 6 com uma berry à escolha (Pecha Berry); Staryu foi capturado a nível 6 com uma berry à escolha (Oran Berry); Gastly recebeu 9 níveis (+1 graças ao bônus de classe); Personagem recebeu 7 níveis (+1 graças ao bônus de classe).

_________________
avatar
Cueio
Administrador sub-master
Administrador sub-master

Masculino Mensagens : 764
Pontos : 903
Reputação : 2
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 18
Localização : Em todo lado
Nível de personagem : 5
Rank : 1000
Ficha : 【FICHA】Cueio
Jornada : 【JORNADA】Cueio

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/channel/UCGv2SwEK8KWzE1rE-e_sj0g

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Grimm.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum